,

quinta-feira, 4 de agosto de 2005

Sonhos de uma grávida

Inacreditável como tenho sonhado...
Gostaria de saber se isso é normal entre grávidas, pois se não me engano, tenho sonhado todas as noites. E não são sonhos vagos, são sonhos criativos, com início, meio e fim. Com temas dos mais diversos possíveis. Os que gostam de palpites para jogos de bicho começam a ficar loucos, pois cada dia é um sonho mais mirabolante que outro...
O da noite passada foi totalmente diferente.... Foi lindo! Sonhei com meu bebê! Ou melhor, com a MINHA bebê... era uma menininha... linda!
E não tinha nada de louco, era muito real, como foi o primeiro sonho que tive semanas atrás. Eu via o rostinho da TAMBÉM MINHA bebê. E estou começando a me questionar por que só sonho com o sexo feminino. Por Deus, eu não tenho preferências. Não digam que é meu íntimo que pede por menina, que não é... pode ser o fato de todos dizerem que é a Mariana, sei lá! O fato é que mesmo sem querer estou assumindo que é ELA quem espero... mesmo que não chame minha barriga pelo nome...
Bem, mas vamos aos sonhos: da primeira vez sonhei com o momento do parto. Após ficar tanto tempo deitada sem sentir nada eu resolvia tirar o lençol da minha frente e via a Dra. Laura já com uma imensa agulha nas mãos para me dar pontos. Nesse momento minha mãe aparecia com a bebê, colocava sobre meus seios e repetia: "Eu disse que era menina, eu disse..." Em seguida o Adriano aparecia, e dizia: "Não, minha sogra, primeiro ela tem que passar pelo pediatra..." E então levava a bebê de mim... O incrível é me lembrar da carinha dela... dos detalhes... mesmo depois de semanas...
Uma das coisas que mais anseio na gestação é o momento de amamentar. No sonho de ontem, pude experimentar essa deliciosa sensação. Estava no meu quarto com minha mãe de um lado e minha sogra do outro, com MINHA bebê nos braços (ou seria "com minha bezerrinha"?). Estava eu ali, totalmente enrolada, sem saber como proceder... lembro da minha mãe dizer "Calma, é instinto, ela vai achar o bico do seu peito..." e achava. E começava sugando o seio direito, e depois de encher a boca com um leite tão branquinho, e tão espesso, e tão doce (sim, eu experimentava o leite) eu a mudava de lado e o processo se repetia... Nossa! Que sensação! Foi só um sonho, mas que se tornará real daqui a alguns meses, o que me deixa bastante aliviada...
Sabe aquele sonho que te dá vontade de dormir novamente pra voltar a tê-lo? Eu até que tentei, mas não consegui dormir de novo... Fiquei pensando em como Deus é perfeito. Imaginar que existe uma pessoinha dentro de mim, totalmente dependente dos meus atos, e que daqui a pouco estará entre nós, e que não vou estar acordada de madrugada apenas pensando, vou estar acordada amamentando... ou apenas vigiando se o sono dele vai estar tranquilo, porque na tranquilidade do soninho dele, vai estar a tranquilidade do meu sono. E como alguém já me disse certa vez (não lembro agora quem), minhas noites NUNCA MAIS serão as mesmas... E graças a Deus por isso!

2 comentários:

Tia Beth disse...

Bem, acho que na verdade o que acontece é uma mistura de indução com ansiedade por saber se será menino ou menina!
E é claro, com tantos palpites sobre menina, não poderia dar em outra coisa!!
E por falar em ver detalhes no sono, é verdade mesmo sobre as perninhas delas serem bem parecidas como as minhas???rsrsrs
Garanto que os cabelinhos também eram....."loirinhos" como os da tia!!! rsrsr
Beijinhos

Jacqueline disse...

Barbie, você está cada dia mais mamãe e apaixonada. Lembro quando nasceu a filhinha de uma colega aqui do trabalho e ela me mandou um e-mail dizendo que estava apaixonada e que era tãaaaaao bom... realmente deve ser maravilhoso, curta muito esses segundinhos que são só seus pq depois que ela/ele nascer você vai TER que dividir! rs, rs :)