,

sexta-feira, 30 de dezembro de 2005

E o ano termina...

Hoje vim pensando no que escrever aqui no blog como retrospectiva do que passei em 2005. E me vem em mente uma mensagem que eu recebi por e-mail, com uma citação de Leonardo Da Vinci, onde diz que a vida se torna longa quando é bem preenchida. Longa, assim como um quadro se torna rico. O jeito de pintá-lo somos nós quem escolhemos, pois cada um tem sua técnica, sua tinta, sua inspiração. Chego então à deliciosa conclusão de que 2005 foi um ano longo para mim; uma pintura memorável, cheio de boas lembranças. Tanta coisa aconteceu, mas a mais rica, a mais preciosa foi, sem dúvida, a realização desse meu grande sonho de ser mãe.
Lembro-me bem do início de 2005 onde me questionava:
"Será que neste ano vou conseguir engravidar?"
"Será que alguma coisa vai acontecer?"
"E se não acontecer?"
"Será que não é a vontade de Deus?"
Mas Ele já tinha seus planos para mim...
E no momento em que eu soube respeitar a vontade Dele, não mais questionando-O, ele me deu de presente o que de melhor eu poderia ganhar da vida... no momento certinho...
E um ano se passou... o longo ano na verdade passou corrido... porque tudo o que fiz envolveu os preparativos para a chegada do Arthur.
E o que estou meu questionando agora, quanto ao ano que virá?
Para esse novo quadro em branco que espera ser preenchido não haverá em mim falta de inspiração, e com certeza, muitas cores estarão presentes, principalmente as cores das realizações, do sucesso e das alegrias. Incrível poder prever nas linhas de meu futuro que 2006 será um ano de momentos felizes. Sei que haverá dificuldade (nunca tive um bebê nas minhas mãos - rs), que passarei por momentos de desafio, que noites em claro virão... mas tudo isso vai se tornar pequeno frente ao fato de olhar pro meu filhotinho e descobrir nele a continuação de minha vida.
As realizações que espero não serão só as minhas. Penso no que realizarei para o Arthur. Porque ele vai me proporcionar um ano de alegrias. E eu? Conseguirei proporcionar o mesmo pra ele?
No final de 2006 eu conto...
.
Para finalizar, uma mensagem:
.
PARA QUE SEJAS FELIZ NA TUA VIDA
.
Nenhuma manhã, sem orar...
Nenhum trabalho, sem boa intenção...
Nenhuma alegria, sem render graças a Deus...
Nenhuma falta, sem arrependimento...
Nenhuma dor, sem paciência e resignação...
Nenhum lugar, sem te lembrares que Deus te vê...
Nenhuma injúria, sem perdoares de coração...
Nenhuma refeição, sem oração...
Nenhum divertimento bom, sem limite...
Nenhuma noite, sem exame de consciência...
Nenhum dia, sem o progresso no bem...
Nenhum amor, SEM O AMOR DE DEUS!

terça-feira, 27 de dezembro de 2005

A trigésima quinta semana

Idade do feto: Semana 35
Tamanho do bebê: O bebê está com peso de aproximadamente 2950g e sua medida, da cabeça ao bumbum é de 35cm. Sua medida total é de 47cm.
Desenvolvimento do embrião: Ao final dessa semana, o bebê poderá nascer à qualquer momento. Bebês nascidos entre as semanas 38 e 42 estão prontinhos e em tempo. Isso significa que se ele nascer com 38 semanas não será considerado um parto antecipado. Ele está pronto para vir ao mundo, mas enquanto não vem, ele continua ganhando mais peso e crescendo mais um pouquinho.
Mudanças em seu corpo: Gradualmente o seu bebê está se encaixando e, nas suas visitas ao médico de agora até o fim da gravidez ele provavelmente verificará o seu grau de dilatação, se é que já esteja ocorrendo alguma. A posição que o bebê se encontra agora, também já vai preparando o seu médico para o tipo de parto que você terá. Caso o seu bebê não esteja com a cabecinha para baixo, ao invés é o bumbum, você terá provavelmente uma cesária. É possível virar um bebê mas não é fácil e pode estressar tanto mãe e bebê. Daí então o fato de a maioria das mulheres e médicos optarem por um parto cesária. Andar pode se tornar uma tarefa que você não faz com tanto prazer pois sua barriga está bem pesada e, dependendo do seu tipo físico, pode incomodar ou dificultar os seus movimentos para andar.

*****

Prestaram atenção nisso? A partir do final desta semana o Arthur já pode nascer... :)


Algumas fotos da 35º semana, tiradas na noite de Natal.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2005

Oito meses

No dia 24/12/2005 comemoramos oito meses.
Estamos em contagem regressiva, e agora é de verdade.
Hoje amanheci me sentindo pesada, mas ainda tô tentando descobrir se é por reflexo da quantidade de rabanadas e pastéis que comi no Natal, ou se é realmente por estar na reta final da gestação.
O final de semana foi cansativo.
Na sexta meu expediente foi até 12:00 hs. Saí daqui e fui almoçar com o Dri. Aproveitei para comprar alguns presentes que faltavam. Enfim, acabei esperando o Dri sair da loja pra ir embora com ele, mas cheguei em casa com os pés enormes e muito cansada. A ponto de recusar o convite do Dri para ir ao Shopping buscar o carrinho do Arthur. Explicando: O Arthur ganhou o carrinho dos queridos tios Paulo e Belina, e o Dri escolheu o modelo. Só que justo a estampa que ele escolheu é a mais difícil de se achar e tivemos então que aguardar por quinze dias. Claro que assim que chegou o Dri fez questão de ir buscar, só que isso aconteceu na sexta, véspera de Natal. E eu, com os pés inchados (o que já é uma constante em minha vida... ) e pra completar, cansada, troquei um passeio ao Shopping pela minha cama, e o Dri foi sozinho...
No sábado passei a manhã embrulhando presentes, e a tarde fui pra cozinha com a Beth fazer nossa parte dos quitutes natalinos. Ela me ajudou com as rabanadas e eu a ajudei com os pastéis. Sempre supervisionada (discretamente) pela minha sogra que queria garantias de que eu não iria pro fogão. Ainda que não tenha ido, fiquei muito cansada... Acho que pelo dia inteiro de agitação.
Fora isso, a Noite de Natal foi tranquila. Passamos pela minha mãe, pela minha sogra e pelos tios Paulo e Belina. Bati na cama por volta de 2 horas e apaguei, literalmente.
Ontem, domingo, recebemos a visita da turma. Fiquei mais cansada ainda. Não por ter feito qualquer esforço físico, mas por ordem natural da minha condição de gestante (rs). Entre conversas, risadas e rodadas de vinho (que eu só tomei na primeira), ficava pensando como será daqui pra frente. Aquelas loucas me divertem, mas acho que daqui pra frente teremos incompatibilidade de conversas. Elas estarão falando das baladas, quem pegou quem, e eu estarei preocupada com as horas da mamada, da troca de fraldas, etc. Teve um momento que me senti meio deslocada, meio velhinha, meio mãe! kkkkkk
Enfim! Hoje estou assim... pesada, cansada, com sono... e prometendo a mim mesma que chegarei em casa e colocarei os pés pra cima. E só!
O resumo do último mês:
Inchaço. Muito inchaço. Mas só nos pés! Embora apareça um ou outro que diga que estou TODA inchada (comentário desnecessário...), que meu nariz está enorme (só um gentil teve coragem de me dizer isso...), entre outros comentários que fazem minha auto-estima "transbordar", prefiro acreditar no meu marido que insiste em dizer que eu nunca estive tão linda... E de fato, no geral, entre dez comentários, eu só preciso fechar os ouvidos para um. Então ainda estou com o saldo positivo.
Por duas noites tive câimbra na panturrilha, uma dor horrível!
Tenho levantado de duas a três vezes por noite para ir ao banheiro.
Só consigo dormir do lado esquerdo. Se deito virada para o lado direito me sinto sufocada. Será que tem alguma explicação científica pra isso, alguma artéria, sei lá?
Esporadicamente tenho azia.
Não senti, ainda, falta de ar.
A barriga começou a coçar (mas eu não dou mole para as estrias e só passo a mão), e o Arthur, como vocês já sabem, está enorme! Na sexta acho que localizei sua pequena mão, senti o intervalo entre um dedinho e outro... foi muito gostosa a sensação! Aliás a melhor diversão é tentar adivinhar o que sinto abaixo de minhas mãos ao tocar a barriga.
Esses dias estava conversando com alguém (não lembro quem - coisa de grávida! rs) sobre o fato de estar tão apaixonada pela barriga a ponto de ter certeza que vou estranhar a falta dela após o parto. Fisicamente, vou sentir um vazio danado. São oito meses tendo ela (a barriga) como companhia. Acho que é mesmo uma questão de hábito, que claro, só vai durar o tempo entre o parto e a chegada dele do berçário. Psicologicamente, eu quero muito ver o Arthur, mas tenho um medo danado de tirá-lo daqui. Por motivos diversos. E aqui na barriga ele tá tão protegido...
Mas não tem jeito. Se entrou, vai ter que sair. E agora não adianta ter medo. Ele vai nascer e minha vida vai mudar. Aliás, já mudou. Eu JÁ SOU a mãe do Arthur. E o medo de trazê-lo ao mundo se acaba quando me invade esse sentimento de orgulho. De saber que é meu. De saber que daqui a pouquinho estarei sendo chamada de "mãe". Que no Natal do ano que vem aqueles presentes não estarão na árvore (pode ter um pequeno curioso que queira abri-los). Que o próprio Natal terá um brilho especial. Que terei que enfrentar fila no Shopping para tirar fotos com Papai Noel. E que para isso acontecer, só falta 01 ano. E, levando-se em consideração que 01 ano voa, o que dizer de 30 dias...

sexta-feira, 23 de dezembro de 2005

É Natal!


Noite Cristã
onde a alegria invade nossos corações
trazendo a paz e a harmonia.
Que neste Natal
você e sua família sintam mais forte ainda
o significado da palavra AMOR.
Desejo a todos um Natal festivo, colorido e muito feliz.
Que vocês possam receber de Deus
as maiores dádivas que o ser humano possa almejar:
muita saúde, muito amor e muita felicidade!
.



quarta-feira, 21 de dezembro de 2005

Gestante - Patrimônio Nacional


Sei que já comentei em post anterior a respeito do senso de responsabilidade que as pessoas sentem com relação às gestantes - lembram da estória do motorista de ônibus que me "convidou" a entrar pela porta dianteira? Pois é. A novidade é que o trocador não espera eu me dirigir à roleta. Ele mesmo vem na frente receber a passagem. Fora o idoso que quis me dar o lugar dele. Um fofo! Claro que não aceitei, havia outro lugar pra mim...
E fila? Estava na C&A tentando pagar algo, na fila normal, pois não vi nenhuma especial para idosos e gestantes, quando pecebi a mão de um dos funcionários no meu ombro:
- Pode me acompanhar senhora. A prioridade de atendimento é seu!
A fila nem estava tão grande, dava até pra ficar lá, mas o rapaz foi tão gentil...
O restaurante onde almoço, tem uma comida de excelente qualidade - já que a dona é uma nutricionista. Porém, a fila sempre está ENORME! Como já estou acostumada com a referida fila acabo não me incomodando mais. Mas TODOS OS DIAS sou obrigada a responder ao dono do restaurante que não há necessidade de passar à frente dos demais, face à sua diária observação de que É MEU DIREITO não enfrentar a referida fila...
Semana passada, já estava me servindo, quando notei que atrás de mim um senhor observava o MEU prato... Passei pela beterraba e não a peguei (havia comido beterraba no dia anterior) mas já de olho no brócolis que estava na bandeja da frente. Segue o gentil diálogo entre esta que vos fala com o desconhecido com idade para ser meu avô:
- Esse bebê precisa de beterraba, faz bem pro sangue.
- Eu sei moço...
- Mas você não colocou no seu prato...
- É que comi beterraba ontem.
- ! (Silêncio reprovador - Como se quisesse dizer: e daí? tem que comer todo dia!)
- Vou substituir pelo brócolis. (posso? rs)
- Ah bem... ( respiração aliviada!)
Mereço né? rs
Mas é isso... Apesar desse caos em que vivemos, o espírito fraternal ainda existe.
Enquanto grávida sou um Patrimônio Nacional e devo sim, satisfações e obediência à sociedade, do que faço ou não faço pelo bem estar do novo cidadão que está a caminho!

A trigésima quarta semana

Informações E-family:
Idade do feto: Semana 34
Tamanho do bebê: O bebê está com peso de aproximadamente 2750g e sua medida, da cabeça ao bumbum é de 34cm. Sua medida total é de 46cm.
Desenvolvimento do embrião: Ao olhar para a sua barriga nesses dias pode parecer engraçado de vez em quando. É que os cotovelos, joelhos e a cabeça do bebê podem não só serem sentidas como podem ser vistas desalinhando a forma de sua barriga. Isso ocorre quando o bebê está se espreguiçando ou quando ele troca de posição por um tempinho. As paredes do útero agora começam a afinar um pouco pois estas estão bem esticadinhas. Quando isso ocorre, o seu bebê pode começar a perceber e a diferenciar o rítmo diurno do rítmo noturno pois ele sente que está claro e sabe que sua mamãe está fazendo uma série de coisas e, quando está escuro, ela quase não se mexe, deve estar dormindo. Ele está também exibindo unhas novinhas em folha e um par de rins completamente desenvolvidos e prontos para operar suas funções. O fígado também já pode processar impurezas.
Mudanças em seu corpo: Agora há muito mais bebê dentro de seu útero do que líquido aminiótico. O seu útero até agora expandiu cerca de 1.000 vezes comparado com o seu tamanho original.Durante a gravidez a mulher sente vontade de ir ao banheiro com maior frequência, você até que já estava acostumada mas, agora que está perto do final da gravidez, você praticamente fará do banheiro o seu segundo lar. Mesmo assim, não diminua a quantidade de líquidos ingeridos, especialmente água. O seu bebê e o seu corpo precisam muito de água. O seu útero encontra-se agora provavelmente logo abaixo de suas costelas, o que, dá uma sensação de falta de ar de vez em quando.Agora que só faltam 4 ou 5 semanas para o final da gravidez, a ansiedade que bate é enorme. Tente controlar-se ou você acabará sendo impaciente com as pessoas à sua volta por motivos que nem você sabe.Prepare suas roupas e papéis para o hospital. Você ainda tem tempo mas nunca se sabe quando o bebê vai querer sair. Deixe tudo mais ou menos à mão ou em lugar de fácil acesso, em caso de não ser você quem vai levar a bolsa para o hospital.

terça-feira, 20 de dezembro de 2005

Aniversário do Adriano - o Pai do Ano!


Foi ontem, 19 de dezembro. Meu maridão completou 32 anos.
E o que mais posso desejar a este que desde 1997 faz parte de minha vida de forma tão intensa?
Foi ele quem eu escolhi para ser meu companheiro, minha cara-metade.
Na minha vida tão agitada, é ele que dá o equilíbrio que preciso...
Embora eu insista que sua calma (que muitas vezes eu chamo de distração) nos atrapalha como casal, no fundo eu não consigo visualizar mais a minha vida longe da dele.
E ele sofre na minha mão, eu assumo! Não sou fácil mesmo... rs
Sempre fui a favor do "que não seja imortal, posto que a chama, mas que seja infinito enquanto dure...", mas de qualquer forma, o elo que nos une NUNCA mais poderá ser rompido.
Somos um só, mais do que nunca...
E por todos os motivos do mundo, eu o amo! E espero que ele saiba disto...

E esse amor não é só meu não... ele é muuuuito querido por todos. Basta pegar no celular dele e ver as mensagens/ligações recebidas por ele ontem. Além disso, mesmo não fazendo nada especial (só comprei uma torta e fiz a sopa de ervilha que ele tanto ama), a nossa casa lotou!
E ele ficou muito feliz com a presença dos amigos, acho que pra ele esse foi o maior presente...
E frente a sua indagação a respeito da quantidade de pessoas que apareceram para prestigiá-lo: "Isso não é pra qualquer um..." Foi tudo o que eu pude responder!
 Posted by Picasa

quarta-feira, 14 de dezembro de 2005

A trigésima terceira semana

E-family informa:
Idade do feto: Semana 33
Tamanho do bebê: O bebê está com peso de aproximadamente 2550g e sua medida, da cabeça ao bumbum é de 33cm. Sua medida total é de 45cm.
Desenvolvimento do embrião: O bebê continua a ganhar formas mais arredondadas e se acomodando para a posição de parto. Em algumas mulheres o bebê "desce" já desde já e em outros isso só acontece no dia do parto ou durante o trabalho de parto. Você sabe que o bebê "desceu" pois a sua barriga fica mais baixa e você pode passar a respirar melhor ao mesmo tempo que algumas mulheres sentem dor intensa na parte inferior da coluna.O seu bebê também está bem atento ao que está acontecendo ao seu redor, por isso, é uma boa oportunidade para começar diálogos com ele. Não pense que isso é uma bobagem, ele realmente pode ouví-la. Se você não quiser conversar, então cante alguma musiquinha para ele e assim que ele nascer, você canta para ele a mesma musiquinha, você terá uma surpresa.
Mudanças em seu corpo: Os seus seios podem estar extremamente sensível enquanto você vai se aproximando do final da gravidez. Eles estão se preparando para a produção de leite. Use sutiãs que sejam bem firmes para aliviar a dor e o desconforto.O lado emocional da mamãe nessas últimas semanas pode estar extremamente sensibilizado e, mudanças repentinas de humor são comuns. A ansiedade é um fator que colabora para esse fato. A gravidez já durou tanto tempo, você está cansada, às vezes tem dor aqui ou ali, preocupação com relação ao parto e se tudo vai sair bem, tem pressa em ver o seu bebê e voltar ao seu físico normal. Todos esses sentimentos são perfeitamente normais e aqueles à sua volta deveriam entendê-los igualmente. O seu útero encontra-se agora à 15cm acima de seu umbigo.
.
*****
Hoje fui fazer novos exames de sangue e urina (hemograma completo, glicose, etc).
Espero que minha anemia esteja controlada...
Resultado dia 19/12/2005.
.
*****
Não sei porque algo me diz que o Arthur não vai esperar até o final de janeiro para nascer.
Sinto a barriga cada dia mais pesada. Como se já não houvesse mais espaço pra ele.
Agora aprendeu que melhor que dar chutes, é se sentar na minha bexiga de 5 em 5 minutos, o que me faz ter uma vontade louca de urinar constantemente.
Também aprendeu a dançar, num ritmo agitante, sempre que ouve o som de uma bateria (ops! essa criança não deveria ser guitarrista? rs).
Não sei porque motivo não pára quieto! Faz questão de fazer todos os movimentos possíveis e imagináveis. A bunda que ora tá no lado esquerdo, no minuto seguinte já tá no pé da barriga. Acho que o Bernardo já andou ensinando o danadinho a fazer estrelas... rs
É uma criança que já mostra sinais de ter uma forte personalidade.
Quando eu percebo que ele vai se mexer, se tiver alguém por perto e eu chamar pra ver, ele não mexe... Mas basta a pessoa tirar os olhos... e a criança se mexe! rs
Adora atenção... quando se mexe pra mim e eu coloco minhas mãos, fica quietinho (adora a mamãe! rs)... Mas se tiro as minhas mãos, ele se mexe de novo! A minha definição pra isso é de que ele tá pedindo minha proteção... e eu atendo! Deixo minhas mãos lá, o tempo necessário...
Ontem o Adriano chegou tarde em casa, algo em torno de 1:30 da manhã... claro que eu já estava no meu 3º sono, e só abri os olhos pra dizer: "Tá muito tarde hein mocinho... zzzzz" e dormi novamente. Hoje pela manhã o Adriano disse que eu dormi e que ele começou a mexer muuuuuito. Também tenho definição pra isso, embora o Dri não tenha gostado: Pra mim ele estava protestando quanto ao horário que o pai chegou... Algo como: "Puxa Pai, isso são horas?" Ou, sendo mais otimista (pra não contrariar o Dri - rs): "Que bom que vc chegou! Agora vamos brincar!"
E assim vamos indo, nos acostumando com a presença do novo habitante da nossa cama, da nossa casa, das nossas vidas!
Curtindo muito essa fase gostosa da barriga, onde sabemos que ele reconhece o mundo aqui fora, mas também muito anciosos de que ele saia logo dela pra podermos curti-lo aqui no mundo exterior...

segunda-feira, 12 de dezembro de 2005

O drama dos pés inchados

É de rir, eu sei...
Mas é que essa estória de pé inchado tá virando um dilema na minha vida.
Ocorre que não consigo mais colocar sapatos fechados, caso os pés estejam inchados, e os abertos que cabem (apenas 2) já estão vindo trabalhar sozinhos.
Na sexta fui tentar resolver meu problema... entrei numa loja na vão tentativa de encontrar algum que coubesse...
O 34, meu tamanho original, deixou de ser meu tamanho há muito tempo...
O 35, que eu achei que fosse ser meu novo provisório tamanho, não entra... e o único que entrou fez com que eu me sentisse uma elefanta calçada!
O 36 (aff! ninguém merece) entra, mas fica grande no solado! rs
O que eu fiz? Nada! Agradeci a paciência da vendedora e saí com as mãos vazias... e os pés mais cheios ainda (de inchaço!)!!!!! kkkkkkkk
Já não tô podendo gastar dinheiro... Como vou comprar sandália sem saber qual vai ser meu número definitivo a partir de janeiro/06?
Acabei de ganhar meu presente de Natal do meu chefe, uma sandália rasteirinha nº 34.
Coitado, acabou antecipando a entrega, após ouvir minhas dúvidas a respeito do meu novo/atual/provisório tamanho. Disse: "Ai meu Deus, filha, comprei uma sandália pra vc... experimenta logo e vê se precisa trocar..." Foi cômico!
A sandália é lindinha, mas AGORA, não tá cabendo... Troco pra usar agora ou guardo pra usar depois? rs
É o tipo de dilema que tá me deixando louca... A cada manhã eu rezo pro tempo não estar tão quente, o que fará com que meus pés não estejam tão inchados, pois assim posso usar meu básico pretinho fechado que AINDA cabe em mim, graças ao uso de meia kendall. Do contrário, sou obrigada a colocar uma das filhas únicas (as que já conhecem o caminho do escritório), o que é um alívio durante o dia inteiro, mas no final do dia me deixam com os pés piores ainda...
O Adriano não entende que vestido x meia kendall é uma combinação que não existe...
Se estou de vestido, não posso estar de meia... é a briga pela vaidade! Ele não entende... Acha que mulher grávida tem que andar confortável, estando bonita ou não. Não quero estar bonita, mas também não quero estar ridícula! Aff! Porque os homens não entendem isso?
Tô pensando em comprar aquelas saias indianas bem longas, assim escondo os pés... rs
Vou lançar a moda do "andar descalça faz bem..." Será que minha amigas me ajudariam nesse lançamento? Não custa tentar... rs
.
*****
No sábado acordei com a corda toda para iniciar a lavagem das roupas do Arthur. O dia estava lindo! Um sol maravilhoso! Sem saber como e por onde começar, gritei socorro pra Quinha (minha mãe), que veio prontamente. Lavou 03 (três) remessas de roupas, e depois de estender tudo, desabou a chuva! Enfim, não pude passar no próprio sábado, como era a minha intenção... Comecei ontem, mas não consegui terminar... nem tudo secou.
Fui ajudada pela Tia Sheila (que é uma exímia passadeira de roupas infantis - rs) e fez questão de pendurar o primeiro macacão do armário (presente dela, claro!): um macaquinho do Flamengo!
.
Tivemos a ajuda da Dinda Jacque também, que pra não ficar mal na fita passou 01 camiseta (É isso mesmo, uma camiseta!) rs
Depois de tudo passado fomos arrumar o quarto: penduramos as roupinhas no armário, definimos o resto da decoração (onde ficará cada quadro de parede, etc), o qual também tivemos a ajuda da Tia Berna.
O Dri conseguiu finalizar os retoques da pintura e instalou o ar-condicionado. Pronto! A parte que cabia a ele já foi finalizada.
.
Agora é por minha conta finalizar a arrumação das gavetas e esperar pelo momento de que o Arthur estará aqui desfrutando de tudo isso!
.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2005

O quarto do Arthur

Ufa!
Depois de semanas entre reforma, pintura, bagunça, arrumação e etc, a minha casa está, finalmente, tomando forma de lar-doce-lar.
Custo a acreditar que conseguimos realizar o que planejamos.
Trocamos o piso, pintamos interna e externamente e ainda arrumamos a garagem, com direito a piso e tudo!
Sim, agora o Arthur pode chegar! A casa está novinha por causa dele!
Mas entre tudo isso, a melhor parte, a mais aguardada, a mais planejada, a mais sonhada... é o quarto dele, do próprio, do Rei do pedaço...
Os móveis chegaram no sábado.
No domingo retocamos o quarto abrindo o buraco do ar-condicionado, colocando a faixa de madeira, trocando os espelhos de luz e tomada, medindo e remedindo pra saber se tudo caberia no "enorme" espaço do quarto... para aguardar a montagem na quarta-feira, ontem.
O único problema foi segurar minha ansiedade. O espaço entre saber que já estava tudo pronto e o tempo que levou para eu chegar em casa. E tava tudo lá... montado.... lindo!
Minha vontade foi dormir lá dentro. Imaginando que daqui a pouquinho meu bebê vai estar lá.
Ainda temos muito pra arrumar. A parte decorativa (pendurar quadros, arrumar roupinhas, etc) começará a ser feita no próximo final de semana, mas o quarto já está lindo mesmo sem ela...
Olhem as fotos e digam se estou certa ou não...
.
Acho que está ficando bom né?

terça-feira, 6 de dezembro de 2005

A trigésima segunda semana

De acordo com o site E-family:
Idade do feto: Semana 32
Tamanho do bebê: O bebê está com peso de aproximadamente 2275g e sua medida, da cabeça ao bumbum é de 32cm. Sua medida total é de 44cm.
Desenvolvimento do embrião: O bebê já está se posicionando para o parto, sua cabeça deve estar virada para baixo. Nesses dias especialmente o seu médico estará prestando atenção à isso. Os ossos de seu crânio não estão totalmente conectados uns aos outros para facilitar a sua passagem pelo estreito canal que o trará ao mundo. Mas os ossos no restante de seu corpo estão se fortificando e endurecendo à cada dia. Sua pele está também se tornando menos enrugada devido ao ganho de peso.
Mudanças em seu corpo: O seu útero encontra-se agora à 14cm acima de seu umbigo. Você também poderá notar que os seus calcanhares e de uma certa forma o pé inteiro está ficando bem inchado, principalmente ao final do dia. Se você mora em uma região muito quente, também terá esse problema em maior intensidade do que quem mora em lugares mais frios ou frescos. Uma surpresa para muitas mulheres é ouvir que ingerir bastante líquido ajuda contra a retenção de líquidos no organismo. O seu corpo - principalmente os seus rins - e também o seu bebê precisam dos benefícios de um organismo bem hidratado. Se, no entanto, você notar que está ficando muito inchada, na face, nas mãos, vá imediatamente ao médico. Muito inchaço pelo corpo pode ser sinal de uma
pré-eclampsia.
.
*****
.
Sim, o inchaço continua... especialmente no pés e nas mãos.
Meus calçados já mudaram de 34 para 35... espero somente que eles retornem às origens no final da gestação. Não vai ser nada agradável perder TODOS os meus calçados... rs
Mas não estou preocupada com a pré-eclampsia (citada acima) já que a pressão continua baixa, e tb não estou tendo retenção de líquido, o que tb me deixa tranquila...

segunda-feira, 5 de dezembro de 2005

Consulta pré natal (dezembro)

A consulta aconteceu na última sexta feira (02/12/2005).
Tudo certinho para não perder o hábito.
Já cheguei mostrando a dopplerfluxometria e ela confirmou a informação passada pelo Dr. Felipe. Não há motivo para preocupação uma vez que a pressão continua baixa. Perguntei se existe alguma relação com o inchaço nos pés, o que ela respondeu negativamente. O inchaço refere-se ao calor e a única forma de amenizá-lo é com o uso constante de meias elásticas. Mas como vou usar meia (CONSTANTEMENTE!) no calor que temos passado? rs
Tive então que concordar com a Dra. Laura: Em sete meses de gestação eu nunca precisei ligar para ela por estar sentindo qualquer coisa diferente, minha gestação está ótima, a pressão está ótima, o Arthur vêm se comportando super bem, e eu tenho a CORAGEM de reclamar de inchaço nos pés! rs (Ainda fui obrigada a ouvir isso! rs)
As novas medidas:
Pressão Arterial: 10x7
Medida de fundo de útero: 29 cm
Meu peso: 59,500 (aumento de 1,900 com relação ao mês anterior)
Os batimentos cardíacos do Arthur continuam compassadinhos.
Passou novos exames de sangue e urina.
Marcou nova consulta para 03/01/2006.
Questionei o tempo para a nova consulta. Achei que a partir de agora as consultas seriam quinzenais. Resposta da Dra. Laura: "Quer fazer o que aqui? Só se for para me ver..." rs
Após o dia 03/01 sim, ela passará a me ver quinzenalmente... próxima consulta para o dia 20/01/05.
Então foi isso!
.
*****
.
Saí de lá e fui visitar a Amanda, mãe do Thor, lembram?
Tá a coisa mais fofa do mundo!
Simpático.... rindo o tempo todo!
Depois dormiu... e muuuuuito, e eu nem pude me despedir....
Bjos Thor, titia amou te conhecer!
.

Que buchecha é essa?????? rs

quarta-feira, 30 de novembro de 2005

Chá de Bebê do Arthur


Estou desde segunda feira tentando postar os detalhes do que foi o Chá de Bebê do Arthur...
E foram muitas coisas!
Antes de mais nada gostaria de agradecer a presença de todos aqueles que compareceram. E nossa! Foram muitos! A família, os amigos próximos, os amigos distantes... Os amigos do passado que voltaram... Os amigos do presente mais presentes ainda... Nossa, nem sei como agradecer...
Estiveram presentes cerca de 100 pessoas, nem sei como coube tanta gente lá em casa.
Foi um dia muuuuuito feliz!
Apesar de ter ficado exausta no final do dia, já que estava na agitação desde sexta com os preparativos, no final foi muito recompensador saber quão querido o Arthur já é...
Aproveitamos para fazer os convites a quem escolhemos como os padrinhos:
Padrinhos de Batismo: Beth (Deidei) e Zé Luis (que se auto convidou desde o início da gravidez);
Madrinha de Consagração: Jacque.
Não só aceitaram como ficaram muito felizes! Eu e Dri também!
Fizemos uma farra só. Não somente eu e Dri fomos pintados. Fizemos questão de compartilhar desse "momento" com os novos padrinhos. Saíram todos pintadinhos... rs
No final do dia estava totalmente acabada. Os convidados foram embora por volta das 19 horas. Óbvio que fui abrir todos os presente. O Arthur ganhou muita coisa. E cada coisa mais linda que outra. Também contabilizamos as fraldas. No total, até a presente data, exatamente 1.100 fraldas. Acho que duram uns seis meses. Bom né?
Fui deitar por volta das 23 horas, com os pés daquele jeito, igualzinho um pilão! Mas sem reclamar, pois estava mesmo muito feliz.
.
Recadinho distribuído no Chá de Bebê
.
*****
Como já havia dito anteriormente, no dia seguinte organizamos um Café da Manhã para que o pessoal aqui do trabalho também participasse dessa confraternização.
Preparamos uma mesa linda. E o Arthur ganhou até um bolo personalizado com a inicial do nome dele.
Foi a continuação da felicidade do dia anterior...
.

terça-feira, 29 de novembro de 2005

A trigésima primeira semana

Segundo o site E-family:

Idade do feto: Semana 31
Tamanho do bebê: O bebê está com peso de aproximadamente 2000g e sua medida, da cabeça ao bumbum é de 30cm. Sua medida total é de 43cm.
Desenvolvimento do embrião: Os pulmões do bebê só estarão prontos poucos dias antes do nascimento mas ele continua praticando seus movimentos respiratórios. No momento ele aspira líquido aminiótico. Sua cabeça está revestida de cabelos. Se o bebê nasce com cabelos grossos, isso não significa que ele terá cabelos grossos mais tarde também. Se ele nascer com cabelos finos, há uma grande possibilidade de que seus cabelos serão finos também mais tarde.
Mudanças em seu corpo: O seu útero encontra-se agora à 13cm acima de seu umbigo. Com o avanço da gravidez, pode ocorrer de você se assustar com o seu ganho de peso até agora. Nem pense em parar de comer ou pular refeições para desacelerar o ganho de peso. Lembre-se sempre, que o seu bebê também está ganhando bastante peso no momento e isso contribui para que o resultado final de seu peso esteja acima do esperado por você. Continue, no entanto, a se alimentar com alimentos nutritivos e saudáveis.

sexta-feira, 25 de novembro de 2005

Chá de Bebê do Arthur - Preparativos



Ultimamente estamos envolvidos com o Chá de Bebê do Arthur que será realizado no próximo domingo, 27/11/2005.
Com essa estória de obra/pintura, só tive tempo de me dedicar ao Chá a partir desta semana. Ou seja, estou enroladíssima. Sorte ter muita gente em volta, o que me dá segurança de que tudo vai dar certo.
Além disso, serão dois Chás, já que para o pessoal aqui da empresa vai rolar um café da manhã na próxima segunda (já que eu sei que nem todos daqui irão na minha terrinha...)
Que bebê chique né?
Esse aí é o convite, ou melhor, CONVOCAÇÃO!
Espero que seja uma festa linda...
Aproveitaremos para mostrar ao Arthur o quanto ele já é amado, e quantos amigos esperam por ele...
Estou transcrevendo o texto do convite, já que passando para imagem, o texto acima ficou indecifrável:
.
ARTHUR INTIMA!
(Papai e mamãe assinam embaixo)
.
Espero que você venha
ao meu chá se divertir...
Perceberei a sua presença
se a mamãe estiver a sorrir!
.
O que vai acontecer
se sua ausência eu notar?
Como já sou muito esperto
a barriga vou chutar!
.
.
Modéstia a parte, ficou lindo!
Duvido que alguém vai estar ausente depois dessa convocação...

quinta-feira, 24 de novembro de 2005

Sete meses

Segundo o gravidômetro, completo hoje os sete meses de gestação.
.
Aniversários da barriguinha:
1 mês :25/5/2005 - 4 semanas e 2 dias.
2 meses :25/6/2005 - 8 semanas e 4 dias.
3 meses :25/7/2005 - 13 semanas
4 meses :25/8/2005 - 17 semanas e 2 dias.
5 meses :24/9/2005 - 21 semanas e 5 dias.
6 meses :24/10/2005 - 26 semanas
7 meses :24/11/2005 - 30 semanas e 2 dias.
8 meses :24/12/2005 - 34 semanas e 5 dias.
9 meses :24/1/2006 - 39 semanas
Data Provável do Nascimento :30/1/2006

Vamos ver o que mudou nesse último mês...
A barriga continua crescendo... e agora o espaço para o Arthur tá ficando pequeno!
Foi-se o tempo em que ele pulava como pipoca... ele agora se vira! E eu fico como retardada tentando adivinhar se determinadas partes redondas são cabeça ou bumbum! Essa semana localizei algo menor que se moveu nas minhas mãos... acho que eram os pés...
Tô achando um barato tentar adivinhar o que é o quê...
Raramente sinto azia, e ela só vem de verdade se como alguma besteira (ninguém é de ferro!)
Os desejos nunca existiram... mas para que o Dri não saia desta gestação totalmente frustrado, resolvi que de vez em quando devo ligar pra ele e dizer que o Arthur tá pedindo algo... o que ele faz com muuuuita satisfação e sem reclamar... Assim vou tomando milk shake de chocolate do Bob's, sundae de morango do Mc Donalds, sorvete napolitano da Kibon e comendo pipoca doce do camelô... aproveitando enquanto posso... rs
Aliás a relação entre pai e filho é um capítulo à parte. Que comunicação incrível!
O Dri só precisa chegar perto e o menino já se manifesta. Eu pasmo... o Dri baba! Tá mesmo muito babão, o que me deixa muito segura de que será um excelente pai. Aliás, quanto a isso nunca tive dúvidas. Diz que vai saber dar banho... Eu tenho tentado convencê-lo de que trocar fraldas é tarefa simples, mas acho que ele vai achar mais fácil ir direto para o chuveiro! Tem me preparado de que não sabe se vai ter estrutura para levantar de madrugada junto comigo... vamos ver! Aposto como vai fazê-lo sem que eu precise chamar...
Algo que não consegui ainda foi fazer uso da massagem dele. Toda vez que peço por massagem ele enrola, enrola, e eu acabo dormindo sem a bendita! E olha que em determinados dias eu preciso mesmo! Principalmente agora que meus pés têm ficado permanentemente inchados!
Descobri também que a barriga pesa de verdade. E eu já ando remando pelas ruas!
Mas no geral, continuo não tendo do que reclamar...
Não sinto cãimbras, não tenho falta de ar, e ainda não tenho dificuldades para dormir...
Continuo esperando o momento em que a gravidez vai me incomodar de alguma forma... Exceção para os pés inchados, claro!
Caio em redundância, mas não deixo de repetir: Êta gravidez abençoada!

E como sou uma mãe completamente apaixonada pelo meu filhote (e assumida!), deixo aqui a letra de uma música do Jorge Vercilo que há muito tempo não ouvia, mas que acabou de tocar na rádio e me fazer chorar...

Suave
Você está em minhas mãos
E do amor eu não sei que fazer
Vive a crescer no coração
Como raiz que se alastra e quebra o chão
Quem agora está nas mãos de quem
Que doce ironia querer bem

Você está dentro de mim
Onde o amor faz divisa com a paixão
Um oásis no sertão
Meu tesouro tão sem fim
O que guardo de maior
Do melhor que há em mim
Do melhor que há em mim

Você está dentro de mim
Nesse momento eu me sinto engravidar
Desse luar, desse jasmim
É tão suave que eu custo acreditar
E nada que eu diga te reflete
Mar iluminado no poente

Você está dentro de mim
Onde o amor faz divisa com a paixão
Um oásis no sertão
Meu tesouro tão sem fim
O que guardo de maior
Do melhor que há em mim
Do melhor que há em mim
Do melhor que há em mim

Não é linda????

terça-feira, 22 de novembro de 2005

A trigésima semana

Caramba! Quase na reta final!
Já posso começar a contagem regressiva!
O que diz o site E-family:

Idade do feto: Semana 30
Tamanho do bebê: O bebê está com peso de aproximadamente 1800g e sua medida, da cabeça ao bumbum é de 29cm. Sua medida total é de 42cm.
Desenvolvimento do embrião: Os membros do bebê estão já tomando formas mais macias e o seu corpo é proporcional ao tamanho de sua cabeça. Ele está cada vez mais parecido com um recém-nascido. Você poderá notar uma diminuição de frequência em seus movimentos agora mas, não há com o que se preocupar, isso ocorre porque ele está ficando quase sem espaço para virar-se e fazer suas brincadeiras de costume. Mas quando você sentir alguns movimentos notará que eles estão mais fortes que antes. Embora seu espaço já esteja ficando esprimidinho, acredite ou não, ele ainda tem muito o que crescer até o dia de seu nascimento. Os órgãos do bebê continuam a aproximar-se da maturidade.
Mudanças em seu corpo: O seu útero encontra-se agora à 12cm acima de seu umbigo. Este último trimestre deve ser também o que você mais peso ganhou. Mas o fato de o bebê estar engordando bastante também influencia no seu ganho de peso. Se você ainda tem dúvidas com relação ao
parto e ao hospital onde ganhará o seu bebê, não deixe de acertar todos os detalhese com o seu médico, como o tipo de parto desejado e se o hospital oferece e tem condições de atendê-la em sua escolha. O dia do parto está chegando e nunca se sabe se o bebê vai decidir nascer antes da hora ou se você precisará de uma internação antecipada. Mantenha tudo em ordem. Se algo inesperado acontecer, você não será pega de surpresa. Prepare também o enxoval do bebê, se você ainda não o fez. Se você tem outra(s) criança(s) em casa, providencie ou já tenha em mente quem é que vai poder ficar com ela(s) enquanto você estiver no hospital.

segunda-feira, 21 de novembro de 2005

E a faxina continua...

Em meio a tantas arrumações, chego a conclusão de que todo final de semana deveria ter, no mínimo, quatro dias.
Dois dias para a organização do lar.
Um dia para me divertir de forma a escolher.
E mais um para, enfim, descansar!
O que fiz do meu final de semana? Muito e pouco!
Sábado tive que ser a "serviçal" dos pedreiros. Era o mínimo a fazer, já que minha sogra já fica encarregada do pintor durante toda a semana... Café da manhã, almoço, lanche da tarde... e no intervalo de uma refeição e outra, água... muita água... e café fresquinho. Deveria ganhar desconto no serviço, mas acho que eles não interpretam muito dessa forma... aff!
Parece que quanto mais agradamos, mais somos exigidos com o pagamento... ninguém merece!
Não aguento mais acharem que estamos nadando em dinheiro.
TUDO custa acima de R$200,00.
A mesinha do computador, só porque era de madeira, custou R$260,00. A bicha veio enorme... pedi para diminuir 10 cm do fundo, para tirar um complemento que não ia me servir de nada, e ainda assim, o cara só deu R$10,00 de desconto... que raiva!
O pedreiro foi contratado para fazer o contra-piso da garagem, que para quem não sabe o que é, trata-se de deixar o piso preparado, no cimento, para apenas se colocar o piso depois. Cobrou R$300,00 pelo serviço. Aí minha sogra nos deu de presente o piso para que "aproveitássemos" o serviço do pedreiro e ele fizesse tudo de uma vez. Imaginamos assim: se para fazer o pior (o contra-piso) ele cobrou R$300,00, deve cobrar mais uns R$150,00 só pra colocar os pisos...
Certo? Errado!!!!! O bendito nos cobrou mais R$300,00... sem noção!!!!
Pobre Dri, acaba sobrando pra ele! Alguém tem que ouvir meu desabafo! Mas é que pro Dri as coisas se resolvem assim: paga-se como pode! E assim vamos parcelando TUDO!
Desisti das minhas planilhas financeiras. Descobri que terei a mesma dívida mensal até agosto do ano que vem. Significa que até agosto só posso comprar o que seja REALMENTE necessário. Significa que estou proibida de namorar vitrines pelas duas próximas estações... Será que consigo sobreviver? rs
E não tenho como cortar nada, nem empregada, nem o plano de saúde da minha mãe, nem a prestação do carro, nem a previdência privada, nada! Tenho que pagar e pronto!
Hoje pela manhã recebi um telefonema. Era o Carlos. E eu lá sei quem é o Carlos! Pois é, é ele, meu corretor de seguros. "Lembra de mim D. Sandra?" Ah não! Seguro de carro vencendo AGORA?! Pois sim! Mais essa! Enfim...
Pra tirar meus pensamentos das contas a pagar, me ponho a tentar organizar a casa. Desde sábado estou rasgando papéis, limpando gavetas, e parece que a arrumação não tem fim!
Como disse, no final da tarde de sábado, chegou a mesa do computador. É claro que acordei no domingo às 8 da manhã e mal terminei de dar café da manhã para os pedreiros e já estava lá, limpando monitor, torre, teclado, etc., esperando a bondade de algum anjo para carregar as peças pesadas pra mim. Já falei, mas vou repetir novamente: Detesto depender das pessoas!
Antes do almoço o computador já estava no meu quarto, mas cadê que o Dri teve tempo de ligá-lo!
Ele cisma em ser ajudante de pedreiro. Acha que a ajuda dele é indispensável. Eu já repeti diversas vezes que se ele paga pelo serviço, não tem que ajudar. Mas se ele acha que a participação dele faz a diferença quem sou eu pra contrariá-lo? rs
Enquanto isso, eu vou esperando ele ter tempo para a arrumação interna da casa... Ou melhor, vou fazendo a arrumação sozinha... o que me deixa morta no final do dia! Meus pés, desde sexta estão muuuuuito inchados. Boto meia, tiro meia, e os pés... enormes! Ontem passei o dia inteirinho de meia elástica... eu acho que de nada tem adiantado, mas ainda não pensei em como seria se não estivesse usando as benditas... pode ser que estivessem pior!
Mas não posso reclamar... é só o que está me incomodando nessa gestação... e ainda assim, o remédio e deitar e colocar as pernas pra cima. Vou reclamar de quê? De ser obrigada a descansar? Não posso!

Dopplerfluxometria obstétrica

Nossa! Que nome feio! Não poderia ser USG para estudo dos vasos? Porque isso é que é o exame: Estudo das artérias uterinas (avaliação materna), da umbilical e cerebral (avaliação fetal)...
Fizemos na última quinta feira.
A princípio aquele monte de ondinha, que para nós, totalmente leigos no assunto, não querem dizer nada... O Dr. Felipe é um excelente médico, mas primeiro avalia tudo, para só no final esclarecer o que está acontecendo. Enquanto isso, ficamos ali, eu e Dri, olhando na tela algo totalmente indecifrável. Longos minutos se passaram até que ele perguntasse sobre minha pressão arterial. "De passarinho... 10x6" Como se não estivesse acreditando na minha afirmativa perguntou: "Sempre 10x6?" "Não há alteração?" "Você tá sempre medindo?"...
Então esclareceu de forma simples para que eu e Dri pudéssemos entender: Minha artéria uterina direita está "funcionando" como se eu NÃO estivesse grávida. Porém, a esquerda está suprindo essa função, ou seja, está "trabalhando" pelas duas.
Problema? Nenhum. Desde que a pressão esteja equilibrada, já que nesses casos existe a possibilidade de uma DHEG (Doença Hipertensiva Específica da Gravidez), e como minha pressão continua 10x6... não tenho motivos para sair correndo atrás da Dra. Laura!
A única dúvida que fiquei, e esqueci de perguntar, é se isso poderia ser a causa do inchaço nos pés... mas também não faz sentido... já que a pressão está baixa!
A avaliação fetal foi normal... as artérias umbilical e cerebral estão perfeitas... e o Arthur não está enrolado no cordão umbilical.
Como que sabendo que eu estava decepcionada em estar ali, diante de um aparelho ultrassonográfico, mas não para ver a "foto" de meu bebê, ele resolveu nos dar uma mostrinha, muuuuuito rapidamente, de como está meu filhotinho. Mas não nos deu detalhes. Só mostrou por um breve minuto como meu bebê tem crescido ultimamente. Está enorme! E lindo! Com aquele mesmo biquinho da ultra anterior! Dr. Felipe deve saber como faz bem para uma mãe ver a imagem de seu rebento na tela do computador!
Melhor ainda sabendo que ele está bem, muito bem...
Volto na Dra. Laura na semana que vem. Será que essa estoria da artéria direita vai me causar algum problema? Será que terei de fazer algum exame complementar?
Aguardaremos...

quarta-feira, 16 de novembro de 2005

Feriado prolongado

Aproveitei para organizar minha casa que até então estava um zona generalizada.
Comecei na própria sexta, aproveitando o fato de estar chegando mais cedo em casa. O único problema é não poder carregar peso, então minhas tarefas ficam muito restritas. O fato de não sentir incômodo na gravidez acaba se tornando um problema, já que tenho que me policiar. Algumas vezes me pego fazendo movimentos que não me incomodam mas que eu sei que NÃO POSSO FAZER. Como arrastar uma mesa de centro, por exemplo. Aí entra uma outra questão que eu detesto: ter que depender de outras pessoas para fazer QUALQUER coisa por mim.
No sábado acordei com a corda toda. Desapareci com as coisas volumosas do meio da sala. Arrumei meu armário de forma que ele pudesse abrigar alguns entulhos como edredons, caixa da árvore de Natal (que por sinal já foi montada pelo meu salvador - Vinícius), etc.
O quarto do Arthur já foi pintado. Não, não foi o Adriano quem pintou. Minha sogra conseguiu convecê-lo de que a saída mais ágil (e eficiente) seria o pintor fazer a referida pintura, já que aproveitaríamos os quatro dias de feriado para eliminar o cheiro de tinta. De fato, o cheiro já saiu quase que por completo.
Como tive que decidir pela cor do quarto na quinta feira a noite, achei melhor optar pelo azul motorista, que é a mesma cor constante em todos os detalhes da decoração (Lembram? Comprei tudo na última feira do Rio Centro...) Pois é... mas não gosto de nada precipitado, então acho que por isso, cismei que a cor ficou muito escura...
Não sei se estão querendo me agradar, mas não apareceu ainda ninguém que concordasse comigo... tomara que estejam sendo sinceros...
Bem, o importante é que o quarto do meu filhote já está quase liberado. Ainda temos que nos livrar do computador, mas essa tarefa também já está encaminhada (hoje a noite chega a nova mesa que caberá no nosso quarto) ...
A pintura já está sendo finalizada na parte externa, e no próximo final de semana faremos o piso da garagem.
Aff! Agora sim, falta muito pouco pra minha casa virar casa novamente. Não aguento mais tropeçar em pincéis na minha área de serviço... rs
.
*****
No sábado fomos ao casamento da Janaína (que trabalha com o Adriano). Embora simples, foi um bonita cerimônia... Encontramos a Jô (que há 5 anos estava morando na Bahia) e colocamos o papo em dia. Foi uma noite agradável.
*****
No domingo tiramos o dia para descansar das arrumações. Recebemos a visita da Sheilinha com sua mãe (D. Marlene). Após o almoço tiramos a tarde para nós dois. Fomos ao Rio Decor na inútil tentativa de encontrar a tal mesa de computador: boa, bonita e barata... Missão impossível! rs
De lá fomos passear no Grande Rio. Andar de mãos dadas, sentar na praça de alimentação pra relaxar, conversar, comer pizza... coisas que não fazíamos a muuuuuito tempo e que venho sentindo muita falta. A gente anda tão ocupado pensando nas contas a pagar, no que falta comprar, no dinheiro que não sobra, enfim, acabamos por esquecer de pensar em nós dois... mas isso já é assunto para um próximo/breve post... rs
*****
Na segunda feira fui bater perna com minha mãe... e passei a tarde com ela. À noite fomos comer churrasco no Tio Paulo. Estava exausta da andança do dia!
*****
Na terça feira, como já havia prometido a mim mesma, tirei o dia para mim... Acordei de biquini, passando sundow, rumo a piscina, que já estava desde o dia anterior chamando por mim... Ficamos lá, eu e Arthur... e o Bernardo que não entendia o porquê da Tia Sandrinha não poder mergulhar na piscina com ele! rs
Pelo visto o Arthur tb vai gostar da piscina, já que pulou como pipoca o tempo todo: durante e depois! Será que a reação de pular foi de não ter gostado do sol??? Espero que não... rs
À noite, festinha do Cauã, meu sobrinho. Festa tipicamente infantil: só cachorro-quente, gelatina, pipoca e brigadeiro...
Fiquei mais exausta ainda!
Resultado: Acordei hoje com meus pés inchados como um pilão!

A vigésima nona semana

Informações retiradas do site E-family.
Idade do feto: Semana 29
Tamanho do bebê: O bebê está com peso de aproximadamente 1600g e sua medida, da cabeça ao bumbum é de 28cm. Sua medida total é de 40cm.
Desenvolvimento do embrião: Os pulmões e o aparelho digestivo do bebê estão quase prontos. O seu crescimento diminuirá de rítmo agora mas o seu peso vai continuar aumetando bastante. A quantidade de líquido amniótico começa a diminuir conforme o seu bebê vai ocupando mais espaço dentro do útero.
Mudanças em seu corpo: Você poderá sentir ainda dificuldade para respirar, ou melhor, sentir que a sua capacidade respiratória está menor. Isso é causado pela pressão posta sobre o diafragma pelo útero. Mas antes do fim da gravidez essa situação pode melhorar. Após a trigésima quarta semana de gravidez (especialmente se esta não é a sua primeira gravidez) você poderá voltar a respirar normalmente, é quando o bebê "desce" já se preparando para o dia em que finalmente virá ao mundo.No momento, o útero está à 11cm acima do umbigo. Se você já estava dormindo de lado desde o começo da gravidez, agora você está acostumada e sabe que foi uma boa decisão. É cada vez mais difícil de dormir confortavelmente conforme você vai chegando ao final da gravidez.

terça-feira, 8 de novembro de 2005

A vigésima oitava semana

Segundo o site E-family:

Idade do feto: Semana 28
Tamanho do bebê: O bebê está com peso de aproximadamente 1360g e sua medida, da cabeça ao bumbum é de 27cm. Sua medida total é de 38cm.
Desenvolvimento do embrião: Em meninos, os testículos movem-se de perto dos rins em direção ao escroto. Em meninas, o clitóris está relativamente à vista pois ainda não foi coberto pelos pequenos lábios. O que só ocorrerá perto do final da gravidez.A cabeça do bebê está crescendo, e o crescimento e desenvolvimento cerebral está bastante acelerado neste período. Praticamente todos os bebês já reagem à sons até a trigésima semana.
Mudanças em seu corpo: A necessidade nutricional do bebê durante o terceiro trimestre é altíssima. Mantenha os olhos bem abertos para a sua alimentação e não desista nem se canse de comer alimentos saudáveis e ricos em proteínas, principalmente agora. Vitamina C,
ácido fólico, ferro e cálcio (aprox. 200 mg é depositado no esqueleto de seu bebê à cada dia) formam a sua lista de prioridades. Durante o terceiro trimestre é quando o esqueleto do bebê se modifica e seus ossos tornam-se mais duros e o cérebro, músculos e pulmões alcançam a maturidade.

segunda-feira, 7 de novembro de 2005

Consulta pré natal (novembro/05)

Aconteceu na sexta (04/11/2005).
Como já previa, tudo tranquilo.
Pressão arterial: 10x6
Medida de fundo de útero: 25 cm. Aumento de 1 cm acima do previsto, já que mês passado estava com 19 cm e o normal é que aumente 5 cm mensalmente. Mas... nada que preocupe. Realmente senti que a barriga deu uma espichada... meu bebê está enorme!
Ouvimos os batimentos cardíacos, agora muito mais fáceis de serem localizados.
E meu peso, p-a-s-m-e-m! Aumento de exatamente 1 kg... podem me dar os parabéns! Passei para 57,600 gramas.
Passou a dopplerfluxometria obstétrica que estuda, dentre outras coisas, a circulação fetal.
Receitou um creme para preparo dos mamilos chamado Massê Gestação.
Na saída, ainda no elevador, um simpático velhinho me perguntou se eu estava vindo da "Laura". Ao responder afirmativamente ele perguntou para quando seria meu bebê. Repondi o período e ele falou: Estarei lá também! Surpesa, eu perguntei: "Quem é o senhor?" Aí ele se apresentou: Dr. Sérgio Gama, pediatra da equipe de cirurgia da Dra. Laura. Nossa, como já ouvi falar dele. E muito bem, graças a Deus! Infelizmente não atende pela Unimed, único motivo para não tê-lo eleito o pediatra do Arthur.
Gostei de conhecê-lo, foi muito simpático. Ele seguiu para o Fátima (onde o Arthur vai nascer) para "visitar" o "pimpolho" que havia nascido no dia anterior.
*****
Ontem tive a feliz notícia de que uma amiga, a Aninha (mãe do Matheus, lembram?) também está grávida!
Parabéns Amiga!

quinta-feira, 3 de novembro de 2005

O dia de ontem

Dia de Finados - Embora seja dia de ficar em casa, descansando, na verdade eu NÃO GOSTO desse dia. Preferiria não ter de quem lembrar, principalmente em se tratando de alguém tão próximo como meu pai. Lá se vai o quarto ano em que fico em casa pensando: "vou ou não ao cemitério?" Não fui. O dia já é triste e para completar choveu o dia inteiro. Também não fui à missa. Fiz minha homenagem de forma isolada, acendendo velas e rezando pela alma de meu pai. Tenho fé de que onde quer que ele esteja há de estar olhando por nós...
*****
Minha casa já tem chão.
Afff... que alívio!
O tempo que seria de 15 dias foi reduzido a um final de semana (incluindo ainda o feriado).
Próxima etapa, a pintura... A princípio o Dri se empolgou e disse que pintaria ele mesmo. Acho que pensou melhor e chegou a conclusão de que um pintor seria mais rápido (e eficiente... rsrsrs). De qualquer forma exluiu do orçamento o quarto do Arthur... esse sim, ele faz questão de pintar! Vamos ver no que vai dar... rs
*****
Amanhã teremos consulta com Dra. Laura. Nem sei o que perguntar. Tá tudo tão tranquilo na gestação... Graças a Deus não ter do que reclamar!
Os incômodos são tão pequenos... a azia que vem muuuuito de vez em quando, o inchaço nos pés que acaba assim que coloco a meia, e só!
Ah sim! Vou perguntar sobre o preparo dos mamilos para a amamentação e se vou ter que repetir os exames de sangue para verificar minha anemia.
Eta gestação abençoada!
*****
Na terça foi tão bonitinho! O Dri iria ensaiar. Alguém ligou desmarcando. Então ele chegou na minha barriga e falou baixinho: Papai vai ficar em casa... Não é que a criança iniciou uma sessão de cambalhotas que não tinha fim? E mexia de um lado, mexia de outro... Então eu falei: Tá bom Arthur, papai já sabe que você gostou dele ficar em casa... Mas ele não parava! E o Dri babando... Acho que ele ficou agitado por umas duas horas, o tempo que ficamos deitados ali, olhando pra ele na barriga!
Vai puxar o temperamento da mamãe, claro! E vai implicar com a ausência do papai também... Mas não vai ficar em casa se lamentando... Vai fazer questão de acompanhar o papai nos ensaios, vai bastar apenas sair da barriga!
Será mais um guitarrista na minha vida? rs

terça-feira, 1 de novembro de 2005

A vigésima sétima semana

27 semanas de alegria!

Segundo o site E-Family:
Idade do feto: Semana 27
Tamanho do bebê: O bebê está com peso de aproximadamente 1250g e sua medida, da cabeça ao bumbum é de 26cm. Sua medida total é de 37cm.
Desenvolvimento do embrião: O bebê abre os olhos, vira a cabeça e pode até seguir com os olhos o movimento de uma luz forte. O corpinho continua acumulando gordura e ele está ficando à cada dia que passa mais fortinho e mais bonitinho. Suas unhas também já estão presentes.
Mudanças em seu corpo: O útero pode estar agora até 10,2cm acima do umbigo. O crescimento do seu útero nas útimas 4 semanas foi de aproximadamente 4cm. Você provavelmente já está pensando em quando será que essa gravidez vai terminar. Se você olha para trás, parece que já faz uma eternidade desde que você vestiu aquele vestido justo ou aquele short jeans que você tanto gostava. Uma das dúvidas mais comuns ao olhar para o guarda-roupas é a dúvida de quando será possível vestir-se da maneira que você costumava vestir-se antes.Tente não pensar muito nisso e concentre-se mais em sua lista para o bebê , o que, certamente inclui a escolha de um nome e a escolha do pediatra de seu filho. Umas das mudanças físicas que podem ocorrer também com você está nos seus pés. Se ainda não ocorreu, brevemente ocorrerá. Você sentirá que os seus pés estão quase um número maior do que o de costume. Procure não prejudicar os seus pés, usando calçados leves e bem confortáveis que não impeçam a boa circulação sanguínea para essa parte do corpo.

sexta-feira, 28 de outubro de 2005

Ah coitada! Ela tá grávida!

Achei que não fosse NUNCA fazer um post com esse título, mas hoje tive que me convencer que o bordão de minhas queridas amigas pode fazer sentido, algumas vezes.
Explicando o significado do bordão:
Tudo o que poderia ser ridículo se torna normal, já que a condição de grávida nos permite QUALQUER coisa: sair com a meia elástica (horrorosa) aparecendo, colocar uma camiseta e metade da barriga ficar de fora, cabelo despenteado, sombrancelha por fazer, vestidos capinha de bujão de gás, calças de cadarço que não fazem parte das vitrines da estação, sapatilha fechada, estar cansada o tempo todo, dormir no sofá da casa das pessoas, falar sem pensar, enfim, "Ah, coitada! Ela tá grávida!" rs
Claro que tiro mais proveito da situação do que qualquer coisa...
Entrar em fila de gestante no banco então, é ótimo! Até a pessoa que faz serviço de rua aqui na empresa já pediu meu socorro para pagar nosso Vale Transporte. Entrar lá na frente e poder expor minha barriga para a fila quilométrica é o máximo: "Quer ser atendido rápido? Fica grávido também!" rsrsrs
Em suma! Estar grávida é uma delícia!
Quando mais eu ganharia uma cadeira de escritório novinha, autorizada pelo diretor financeiro que adora dizer que tudo é desnecessário? No máximo, autoriza o conserto... rs
Detalhe que a cadeira é linda! De diretor e não de secretária! E aos olhares dos demais eu fui obrigada a responder: Quer uma cadeira nova? Fique grávido!
Essa semana descobri que a partir do mês que vem meu horário de saída será 16 horas e não mais 17 horas. "Ah, coitada! Tá grávida! Não pode pegar engarrafamento!" E olhem que eu não falei nada! Eu juro! Foi de comum acordo entre TODA a diretoria.
Estou sim, sendo muuuuito paparicada...
Ontem, aniversário do Tio Paulo (Beijos tio!) tinha uma caixa de suco de soja, de MORANGO, guardada para mim... "Oh menina, não toma refrigerante não! SEU suco tá na geladeira!"
Vou fazer o quê? Reclamar do mimo? Quem sou eu... rs
.
Mas porque eu tô falando tudo isso????
.
Porque hoje, 06 horas da manhã, ainda sonolenta, ganhei uma "chamada" do motorista de ônibus!
Estou eu, no ponto, aguardando a chegada do bus... e lá vem ele, ao longe, às exatas 6 horas da matina. Encaminho-me para a porta traseira, como AINDA faço já que minha barriga AINDA passa tranquila com a proteção de meus braços. Ouço um chamado vir da porta da frente. Ignorei. Continuo encaminhando-me para a porta traseira. O chamado insiste. Quem é??? O motorista... "Vc tem que entrar por aqui!" Eu respondi: "Não precisa moço, ainda dá pra passar na roleta..." Ele simplesmente ignorou minha observação, e como quem quizesse dizer "Dane-se! Passa já pra cá!" simplesmente me olhou e falou: "vambora menina..." O que eu fiz???? Obedeci ora bolas!!! E lá estavam TODOS os passageiros me olhando entrar pela frente, atravessar o ônibus até o final para pagar a passagem e girar a roleta... E só depois de sentar, o motorista seguiu a viagem... "Ah coitada! Ela tá grávida! Pode atrasar a nossa viagem!"
Tive que rir sozinha...
É o que dizem mesmo, tem muita gente que se sente responsável pela nossa barriga... O que aquele motorista ganhou com isso? Nada e muito. Porque ele não vai ganhar mais nem menos no salário dele, mas ganhou o meu "muito obrigada" e a minha admiração! E meu dia vai ser muuuito melhor! E acho que o dele também! Tenho certeza que ele ficou satisfeito com minha obediência!

quarta-feira, 26 de outubro de 2005

A vigésima sexta semana

Do site E-family:

Idade do feto: Semana 26
Tamanho do bebê: O bebê está com peso de aproximadamente 1100g e sua medida, da cabeça ao bumbum é de 25cm. Sua medida total é de 35cm.
Desenvolvimento do embrião: Alguns especialistas acreditam que com 28 semanas de gestação os bebês comecem a sonhar. Sonhar com o quê? Ninguém faz a menor idéia. Mas o cérebro está bem ativo à essa idade. As ondas cerebrais podem ser notadas em testes específicos e os tecidos cerebrais estão bem desenvolvidos. Por volta desta semana também poderá ser possível sentir soluços do bebê. Pode parecer estranho no começo ou você nem venha a pensar em soluço quando sentí-los, você poderá achar que são os chutinhos que vinha sentindo até então mas logo você perceberá a diferença. Não há com o que se preocupar, os soluços são normais e duram pouco tempo.Os cabelos da cabeça do bebê também estão crescendo mais e mais. Sobrancelhas e cílios estão presentes.Você deve ter notado também que o bebê está ganhando bastante peso, especialmente se você compará-lo com 11 semanas atrás quando ele pesava apenas 100g e agora já está com mais de 1kg. Somente nas últimas 4 semanas, o seu peso dobrou.
Mudanças em seu corpo: Agora que o bebê está cada vez mais perto de sua caixa toráxica, você poderá começar a sentir que sua respiração está um tanto mais curta. Essa é uma sensação que começa agora e vai se estender até ao final da gravidez. E o pior é que ela não estará sozinha. Você poderá começar a sentir também dores nas pernas, devido ao aparecimento ou ao agravamento de
varizes. E a sua barriga, cada vez maior, poderá dificultar para uma série de pequenas atividades do dia-a-dia como, levantar-se, deitar-se, abaixar-se, dirigir, e por aí vai...O útero encontra-se agora à 8cm acima do umbigo e, você deve ter ganhado até agora por volta de 8 à 10 kg.

segunda-feira, 24 de outubro de 2005

Seis meses

Chegamos ao sexto mês de gestação!
Nossa, está voando...
Esse calendário eu consegui num programinha que se chama gravidômetro.exe.
.
Aniversários da barriguinha:
1 mês :25/5/2005 - 4 semanas e 2 dias.
2 meses :25/6/2005 - 8 semanas e 4 dias.
3 meses :25/7/2005 - 13 semanas
4 meses :25/8/2005 - 17 semanas e 2 dias.
5 meses :24/9/2005 - 21 semanas e 5 dias.
6 meses :24/10/2005 - 26 semanas
7 meses :24/11/2005 - 30 semanas e 2 dias.
8 meses :24/12/2005 - 34 semanas e 5 dias.
9 meses :24/1/2006 - 39 semanas
Data Provável do Nascimento :30/1/2006

Eu mesma me impressiono em como a barriga tem crescido ultimamente. No início da gravidez pedi minha mãe que fizesse algumas calças de cadarço e vendo o exagero de minha mãe, fiz com que ela reduzisse pela metade a largura das mesmas. Bem, as referidas calças já voltaram para a minha mãe pela terceira vez... para aumentar! Agora desisti das calças. Minha mãe já providenciou novos vestidos... bem franzidos para caberem até o final da gestação. Algumas vezes me sinto como uma capinha de bujão de gás, mas no fundo sinto o maior orgulho em ver como o Arthur cresce a cada dia.
Fico encantada em saber que ele está aqui. Ás vezes me pego admirada frente ao espelho. Admirada pelo tamanho dele, pelo amor que já tenho por ele. Admirada em poder provar pro mundo o quão perfeita é a natureza humana. Estou gerando uma vida dentro de mim. Isso não é a prova da Perfeição Divina? Admirada em saber que sonhos podem ser realizados. E nesses momentos de admiração agradeço a Deus. Só agradeço. Agradeço por tudo. Pela minha felicidade. Pela felicidade do Dri. Daqueles que nos cercam e que também esperam ansiosos pela chegada do nosso bebê. Por outro lado me sinto assustada. Eu, somente eu, sou responsável por ele. A vida dele depende da minha, mas a minha também já depende da dele. Porque eu já não consigo me ver sem ele. Eu já sou dele também. Parece confuso né? Quando me falavam desse amor incondicional de mãe, eu imaginava o que poderia ser... mas estava enganada. É muito maior do que eu imaginei. É sublime. É eterno. É único.
Tem uma música, do Vander Lee, que se chama "Iluminado" e retrata bem esse amor.

Iluminado – Vander Lee
Vi o meu sentido confundido, iluminado
vi o sol enluarar, quando viu você.
Vi a tarde inteira, a sexta-feira, o feriado
esperando o amor chegar e trazer você.
Você chegou querendo
tudo que o tempo não te deu
e que levou de você
sem saber que você já sou eu.
Agora não entendo
o meu relógio o amor tirou
mas sei que o meu coração
tá batendo mais forte
porque você chegou...

.
Eu não conheço sua carinha, não conheço seu cheiro, ainda não ouvi sua respiração, ainda não conheço o toque de suas mãos. Não sei se é careca ou cabeludinho. Não sei do que ele vai gostar. Ainda não conheço suas manias. Mas amo esse pequenino ser de forma tãããão profunda, tão intensa, tão sublime.
Céus! Que bebê poderoso! Tira o fôlego da mamãe!
.
*****
Mudando de assunto...
Ontem iniciou-se a obra na nossa casa. Na verdade, ontem foi o dia da quebração.
A preocupação do dia foi com minha permanência na casa.
Como o nosso problema foi iniciado com a umidade do chão, já prevíamos que com o quebra-quebra o cheiro de mofo fosse evidenciado. Só que foi muito mais forte do que prevíamos. O piso retirado abrigava um mofo insuportável. E com isso tive de passar o dia "sem teto".
Devo dizer que minha casa deixou de ser casa. Virou um puxadinho de quarto e banheiro (os únicos lugares ainda transitáveis). O problema é que para chegar ao meu quarto tenho que passar pela cozinha (que embora não tenha sido mexida está revirada por ter acomodado a sala de jantar). Os demais cômodos (lavabo, sala de jantar e sala de estar) deixaram de existir (são apenas paredes levantadas). E todos os móveis foram amontodados no quarto do Arthur. Pobrezinho, nem nasceu e já está desabrigado... rs. Mas ele há de perdoar papai e mamãe... tudo está acontecendo para que sua chegada seja digna de rei.
Ainda não senti necessidade de "me mudar" pra casa de minha sogra. Pelo menos nessa primeira fase. Não sei se vou conseguir dormir numa cama que não seja a minha. E depois, eu saio muito cedo diariamente, e não seria confortável ficar incomodando a minha sogra com movimentos pelas cinco da manhã, embora ela diga que não seria incômodo algum. Enfim, vamos ver os próximos movimentos (cheiro de cimento, tinta, etc). Por enquanto meu quarto continua isolado. Ao fechar a porta não há quem diga que uma obra acontece no cômodo ao lado!
Enquanto isso, sigo cantando:
.
Era uma casa muito engraçada
Não tinha teto, não tinha nada!
Ninguém podia entrar nela não
Porque na casa não tinha chão!
rs
.
E tudo isso vai durar por pelo menos quinze dias!

quarta-feira, 19 de outubro de 2005

Já tenho colostro!

Tudo começou na última sexta-feira. Percebi que havia uma espécie de protuberância, um carocinho em um dos meus mamilos. Como uma espinha, um pequeno cisto, sei lá... Levei um susto! Lembrei que já havia lido em algum lugar que poderiam aparecer as tais protuberâncias, mas não me lembrava se isso seria normal ou não. Antes de ligar pra Dra. Laura tentei descobrir em que livro eu tinha lido, mas como já estava de saída para o casamento, achei melhor relaxar e esperar até o dia seguinte.
No dia seguinte, lá estavam eles.. Apareceram outros dois...
Antes do meu infarto, a Berna me salvou. Disse que tais carocinhos são normais, que com ela aconteceu a mesma coisa. Aí ela disse: "Após tomar banho, tenta fazer o movimento de espremer, pode ser que já saia alguma coisa..." E reforçou: "De qualquer forma, na próxima consulta converse sobre isso com a Dra. Laura..."
Fiquei com medo de espremer e ser errado, sabe aquela sensação de "criança fazendo a coisa que não deve"? Pois é... mas eis que ontem não resisti... e espremi...
E sim! Saiu o colostro!
E junto dele a palpitação no peito, o sentimento de curiosidade, satisfação, felicidade... Foi uma delícia! E claro, experimentei. O sabor? Salgadinho, chegando a ser enjoativo. Como um soro. E a coloração é amarelada, da forma como já havia lido. Chamei o Dri para que ele fosse minha testemunha, e ele ficou com aquela cara de bobo, ou melhor, de alívio! Pois com o grito que dei pra ele vir no banheiro, ele achou que eu estivesse passando mal... rs... coisas de meu marido...
Aí corri no livro "Esperando o bebê que vai nascer", o que muito me tranquilizou. Não fiz nada de errado, muito pelo contrário, já deveria até ter feito antes. Lá é dito que a partir da 22ª semana devemos preparar os seios para amamentação, fazendo massagens circulares e fazendo a ordenha por alguns minutos seqüenciais. A escritora diz que o fato de tirarmos o primeiro colostro, não significa que na 1ª mamada do bebê o colostro já não exista, ele virá na mesma proporção. Quem vai determinar a mudança do colostro para o leite, será o bebê com a sucção, o que acontecerá após algumas mamadas.
De qualquer forma, ainda que não tenha sido o Arthur a ter mamado, saber que eu já produzo o colostro me deu uma sensação de feminilidade, de prazer materno, nossa! Quem é mãe sabe do que estou falando...

A vigésima quinta semana

Para não perder o hábito de passar alguma informação técnica a respeito da semana gestacional, segue o que diz o E-family:

Idade do feto: Semana 25
Tamanho do bebê: Esta semana marca o começo do
Terceiro Trimestre. O peso do bebê está gerando em torno de 1000g, sua medida, da cabeça ao bumbum, deve estar em torno de 24cm e sua medida total é de aproximadamente 34cm.
Desenvolvimento do embrião: Até o final do sétimo mês a resposta do bebê à sons externos vai ficando cada vez melhor conforme a rede de nervos em volta de seus ouvidos se completa. Sua respiração, continua em exercício e embora ele não respire ar ainda, ele já está treinando para quando nascer.
Mudanças em seu corpo: Nesse último trimestre de sua gravidez, a sua alimentação tem um papel muito importante no desenvolvimento de seu bebê. Aliás, sempre teve mas agora ele vai precisar de uma quantidade maior de nutrientes para a finalização do processo de desenvolvimento. Aumente a quantidade de legumes em suas refeições e confirme com o seu médico se você não vai precisar tomar algum suplemento de ferro e/ou vitaminas. Dificilmente não é necessário.O seu útero encontra-se agora à 7cm acima de seu umbigo.

segunda-feira, 17 de outubro de 2005

Notícias

Nosso final de semana passou muito rápido.
Ainda na sexta (14/10) fomos a um casamento em Santa Cruz: Walace e Rejane, que estão grávidos do Miguel, que também nascerá no final de janeiro. Lá encontramos a Quelly que tb está grávida, do Rafael, que nascerá no início de janeiro.
Letícia, que está grávida do João Vitor, não pôde ir, pois o nascimento está previsto para o início de novembro, e como ela mora em Macaé, foi proibida de vir zanzar no Rio nos próximos dias...
Natália tb não foi, pois estava em casa cuidando da Alice, que nasceu no dia anterior (13/10)!
Ufa! Quanta mulher grávida nessa família! Detalhe que a única menina foi mesmo a Alice!
Êta família pra só fazer homem... rs
Cheguei em casa exausta! E com muita azia... acho que extrapolei no salgadinho!
.
No sábado fomos comprar os pisos para a reforma da nossa casa... andei um pouquinho e já me senti cansada... Nem fiz questão de ficar vendo as vitrines do Shopping. Quem me conhece sabe que isso é impossível... amo vitrines de lojas! Mesmo que não seja para comprar! rs
Chegamos em casa, almoçamos, estiquei as pernas e aproveitei a carona da minha cunhada para ir visitar a Alice. Que coisinha mais pequetita! Recusei-me a pegar, o que foi motivo de muita zoação com a minha cara. Grávida, prestes a dar a luz, e com medo de pegar recém-nascido! Bem, vou explicar: Tenho medo sim! Sempre tive! Mas estou me garantindo no que dizem as pessoas ao redor, de que o INSTINTO MATERNO vai fazer com que o medo acabe. Espero que ele exista realmente. Do contrário, pobre Arthur, vai ter que andar todo embrulhadinho pra mamãe pegá-lo com segurança... rs
Ainda no sábado recebemos a visita das titias Jacque, Rô e Sheila, que trouxeram bolo pronto para comermos com o café fresquinho que fiz.
À noite fomos ao aniversário do primo Robson, onde me saciei de comer cachorro-quente.
Adoro cachorro-quente de festa infantil!
.
Domingo, início do horário de verão (quero descobrir quem inventou isso!)
Era cedo quando acordei, mas na verdade não era... saco! Já eram quase dez no novo horário!
Comecei com a arrumação das gavetas. Sabe aquela arrumação de papéis? Aquele monte de lixo que vc acha que algum dia vai precisar? Pois é! Joguei 03 (três) sacolas repletas de lixo fora!
Quem voltou a nos visitar? Tias Jacque e Sheila. Vieram pro almoço. Tia Sheila se encarregou do mesmo. Uma deliciosa macarronada à bolonhesa. Tirando o tempo de preparo (quase 03 horas) foi ótimo! Comi muito!
A idéia era irmos ao Shopping trocar um vestido que comprei, mas quem disse que tive disposição? Às 17 horas eu já me sentia tão pesada que não resisti aos apelos de minha cama para um breve repouso. E, novamente, resisti à tentação de passear no Shopping...
À noite, reunião familiar para comemorar o aniversário do Lin, primo do Dri.
A essa altura, meus pés já estavam enormes, e tudo que queria realmente era me esticar... Quem está ou já foi uma grávida sabe muito bem do que estou falando. É um cansaço sem explicação. A barriga pesa mesmo! E não basta ficar sentada. O ato de relaxar só funciona se eu estiver deitada...
..
Hoje, feriado para a metade da população carioca (comerciários, securitários, etc) e cá estou eu, em pleno Centro da cidade, que está totalmente vazia, sem ter muito o que fazer. Aliás, "O que estou fazendo aqui?" é a pergunta que estou fazendo desde às 7:30 (ops, 6:30 - horário normal) que foi a hora que cheguei. Ainda não acredito que acordei às 5:30 (sorry, 4:30!) e que deixei meu marido dormindo para acordar a hora que quiser (para ele é feriado!)
Tudo bem! Ele merece! Afinal de contas trabalha muito mais do que eu!
Mas eu queria taaaaaaanto estar com ele em casa...

quarta-feira, 12 de outubro de 2005

Dia das Crianças

Sim, é hoje!
O primeiro dia das crianças do Arthur!
Claro que no próximo ano a emoção será muito maior, já que enquanto na barriga ele não pode abrir (rasgar?!) embalagens de presentes.
Ainda na segunda feira ele ganhou o primeiro, do Sr. Nauri (meu chefe/amigo/quase que um pai): dois belíssimos pares de sapatos! Então a emoção fica por parte da mamãe aqui, que abre os mesmos como se fosse a própria criança! rs
Parabéns filho! Mamãe vai se esforçar muito para que você seja uma criança plena de felicidade e amor...
.
Fica aqui a minha homenagem a todas as crianças de minha vida - incluindo as blogueirinhas, e desejando a todas que nunca na vida percam o verdadeiro espírito infantil. Que brinquem, sonhem, estudem e sejam felizes! Que ao chegarem na idade adulta possam dizer com segurança: Eu tive uma infância feliz!!!!!
P-A-R-A-B-É-N-S !!!

Ultra-sonografia Morfólogica

(Editado em 13/10/2005)
Dia 11/10/2005.
Fomos realizar a quarta ultra-sonografia desta gestação, a morfológica.
.
O que diz a Dra. Jacquelline de La Rocque - Esperando o bebê que vai nascer - Editora Rubio:
"Entre 22 e 24 semanas é solicitada a ultra-sonografia morfológica, pela qual todos os órgãos do feto serão estudados detalhadamente, afastando-se então a chance de várias doenças anatômicas, ou seja malformações nos órgãos do mesmo.
Geralmente é a ultra que mais tranquiliza e emociona os pais, porque mostra-lhes todos os dedinhos, os movimentos do feto são bem visíveis, muitas vezes eles vêem o feto chupando o dedinho, abrindo a boca, o sexo é confirmado, enfim, o neném é visto em todos os detalhes e com certeza a maior preocupação de todos os casais é se ele é perfeito e saudável."
.
E foi essa emoção que sentimos. O Arthur está perfeitinho. Pudemos ver seus pés, suas mãos se abriram o que nos possibilitou ver seus dedinhos totalmente formados. Fez aquele sinal de surfista (hangloose?!) como se estivesse nos dizendo "Ei papai e mamãe, aqui dentro tá tudo beleza!". Sua boquinha mastigava algo sem parar... ou estava conversando com ele mesmo! Dr. Felipe falou que ele está de cabeça pra baixo (situação longitudinal), mas que ainda não é definitivamente. Segundo palavras do próprio, "enquanto ele estiver lá dentro, ninguém vai controlar ele não! Ele vai fazer o que quiser enquanto tiver espaço pra isso!" - não tô dizendo que esse bebê tem personalidade! rs
Confirmou o sexo - (alguém tinha dúvidas?!)
Está pesando em torno de 780 gramas, e só de fêmur já tem 4,4 cm. Os batimentos cardíacos também estão normais, confirmando o que já havia dito Dra. Laura - bem compassadinho...
Pudemos vê-lo de frente. Acho que é a minha cara!
Segundo a família do Dri, o biquinho (lindo!) é do pai.
Agora, o nariz e o queixinho são meus! Isso ninguém pode dizer o contrário! rs
Arthur de perfil
Arthur em close
.
É a coisa mais linda da mamãe, não é?
*****
Parabéns Vinícius pelos 15 anos!
Que você tenha muito amor pelo Arthur! E que ensine muitas coisas legais para ele... mas que não ajude no deseducar, por favor!!!! rs
Sua dinda/meio-irmã/ou o que você preferir que eu seja (rs) - te ama muito! E o Arthur também vai te amar, tenho certeza!

A vigésima quarta semana

Andei sumida, eu sei.
Para compensar seguem 03 (três) postagens num único dia!
Começo com o que diz o site E-family a respeito desta semana:

Idade do feto: Semana 24
Tamanho do bebê: A medida de seu bebê esta semana, da cabeça ao bumbum, deve estar em torno de 23cm. O peso do bebê é agora de aproximadamente 910g. Estas medidas são apenas aproximadas e podem variar de embrião para embrião como de gravidez para gravidez.
Desenvolvimento do embrião: Ele pratica movimentos repiratórios mas ainda não há ar em seus pulmões. Com 26 semanas de desenvolvimento o cérebro do embrião responde à toques. Seus olhos estão completamente abertos. E, se uma luz forte for direcionada à barriga da mulher, o bebê virará sua cabeça para o outro lado.
Mudanças em seu corpo: O seu útero encontra-se à 6cm acima de seu umbigo. Durante esse período da gravidez, sua barriga crescerá em torno de 1cm por semana.Desconfortos como dores nas costas, e pressão sobre a sua bexiga começam a se intensificarem bem como, dores de cabeça e nas pernas devido ao aumento de peso que você está carregando constantemente.O tempo está passando rápido e você já está quase no final do segundo trimestre. Não falta mais muito tempo até que o seu bebê venha ao mundo.