,

quinta-feira, 29 de setembro de 2005

Arthur... um bebê de personalidade!

Hoje aconteceu algo lindo!
Bem, não precisa nem estar grávida para saber que nessa fase o bebê é capaz de captar tudo o que ocorre aqui do lado de fora do ventre. Também sabemos que minhas emoções são passadas para ele, e que se eu estiver feliz ou triste, ele vai sentir tb.
Até então, estou imaginando que EU sou a responsável pelas emoções dele. E que ele só mexe se EU quiser. Não, não e não! Não é bem assim!
Semana passada, por exemplo, estava sentada no micro de um colega de trabalho, e eis que de repente o Arthur começou a dar um show de cambalhotas. A primeira reação, quando o bebê se mexe, é de compartilhar a emoção com quem está mais próximo de nós, no caso em questão meu colega César. Peguei a mão dele, em silêncio para não assustar meu pimpolho, e a coloquei na minha barriga. E o César ficou quietinho por quase 1 minuto esperando... O que aconteceu? Nada! Ele ignorou a mão do César e parou de mexer... rs... Tirei a mão do César, coloquei a minha e surpresa! Voltou a mexer! Foi cômico!
Hoje foi a coisa mais linda e mais incrível do mundo. O Dri ligou e como sempre tem feito, perguntou pelo Arthur: “Está bem? Já mexeu? etc”. Todas as perguntas respondidas eu falei:”Quer falar com ele? Aproveita!” e coloquei o celular na minha barriga desviando a atenção. Gente, EU JURO, que enquanto o aparelho estava na minha barriga eu NÃO mentalizei NADA! Então voltei o celular pro meu ouvido (sem saber o que o Dri tinha falado com ele) e sabem o que aconteceu? Ele mexeu! Mexeu não, deu cambalhotas! Como se estivesse indignado de eu ter cortado o papo dele com o pai. Não é incrível? Falei pro Dri e é claro, ele ficou todo bobo... E ainda não quis me dizer o que ele falou com o Arthur...

terça-feira, 27 de setembro de 2005

A vigésima segunda semana

Dia: 27/09/2005
Idade do feto: Semana 22
Tamanho do bebê: A medida de seu bebê esta semana, da cabeça ao bumbum, deve estar em torno de 21cm. O peso do bebê é agora de aproximadamente 540g.
Desenvolvimento do embrião: Como você pôde perceber, o seu bebê está ganhando peso rapidamente. Sua audição também está mais avançada agora. Ele pode ouvir e distinguir a voz da mamãe em tons diferentes, ouve as batidas do coração dela e os seus ruídos estomacais. Mas não é só isso, ele ouve praticamente tudo o que está acontecendo a sua volta e, uma latida de cachorro por exemplo, pode assustá-lo a princípio mas ele já vai se acostumando e quando nascer ele vai saber que já ouviu esse som anteriormente. Assim, lembre o seu companheiro de conversar com o bebê também, não é só a voz da mamãe que é importante mas a do papai também.Se o seu bebê nascer por volta dessa época, ele tem 85% de chances de sobrevivência, com cuidados muito especiais. Mas, infelizmente, 50% das crianças nascidas tão cedo que sobrevivem, têm problemas sérios e permanente de desenvolvimento.
Mudanças em seu corpo: O seu útero encontra-se agora entre 3,8 - 5,1cm acima de seu umbigo. Deve ser um pouco estranho ver que o seu umbigo está começando a "aparecer demais". Não se preocupe, ele voltará a seu estado pré-gravidez pouco após o parto.

 Posted by Picasa

segunda-feira, 26 de setembro de 2005

Final de semana

Sexta-feira
Festa da Isabella. Filha da minha prima Sônia. Céus, como o tempo passa! A criaturinha que imitava o Seu Boneco agora cresceu (e como!) e já fez 15 anos!
A festa foi ótima. Super animada. Não tive como ficar parada. E entre uma música e outra lá estávamos eu e Arthur dançando... Aquela coreografia que toda grávida conhece: “Mão na barriga (como se ela fosse cair rs) e passinho pra lá e pra cá! Quando tentávamos uma coreografia à três (Eu, Dri e Arthur) caíamos na gargalhada... O Arthur está literalmente entre nós! E a barriga não deixa uma maior aproximação. Ou a mamãe dança sozinha (com ele), ou não dança com ninguém... mesmo que seja com o papai! rs Quando chegamos em casa e mentalizei :”Enfim minha cama!” ele começou a se mexer! E mexeu, mexeu e mexeu por uns 40 minutos! Danadinho!

Sábado
Fomos a um churrasco à tarde. Aniversário da Priscielli. Quando cheguei em casa e relaxei (ainda cansada da noite anterior), percebi que acabei de entrar naquela fase deliciosa de já conseguir visualizar o bebê se mexendo. Até então eu tinha que pressionar um pouquinho a minha mão contra a barriga. Agora não preciso mais. Basta olhar a ondulação da barriga. Fiquei encantada em perceber que o Arthur realmente está crescendo...

Domingo
Almoçamos na casa das tias Jacque e Sheila. Como todo encontro é uma festa, nos divertimos muito. E fechamos o final de semana gastronômico com chave de ouro... Costelinha de porco assada com muuuuito limão! Que delícia! Comi muito. Acho que estou com medo do meu peso. Hehehe
No sábado me arrisquei na balança. Estava com quase 57 quilos. Mas tinha acabado de almoçar. Então não me grilei muito.
*****
A partir de hoje ficarei na salada com grelhados. Tenho que me preparar para a consulta da semana que vem. :)

terça-feira, 20 de setembro de 2005

A vigésima primeira semana

Pois é, já passei da metade da gestação, e devo dizer que realmente tá tudo passando muuuuuito rápido!
Cheguei à conclusão de que tudo o que dizem a respeito do segundo trimestre é verdadeiro. Eu realmente estou no melhor momento da gestação. Não tenho sentido absolutamente nada! Nada de enjôo, sonolência, indisposição, fome... a única coisa que anda "rondando" a minha vida é a azia... ameaça chegar, mas desiste no meio do caminho. Ah, tem o bendito creme dental! Não consigo escovar os dentes decentemente ao acordar... tenho que chegar no escritório e só fazê-lo após o café-da-manhã. E não adianta falarem para antecipar a 1ª refeição. Eu simplesmente não consigo comer absolutamente nada às 6:00, que é a hora que saio de casa.
Também comecei a usar a meia com compressão. Após desistir da kendall, já que não conseguia colocá-la sozinha, o Dri providenciou uma 3/4 que não é da kendall (não sei o nome, mas é importada). Agora não tenho desculpa alguma para me recusar a usar. Ela não chega a ser desconfortável, mas é tão feia... e não tem pé! Enfim, pelo menos os inchaços sumiram!
De resto, tudo perfeito. O Arthur é mesmo um príncipe! Se comporta muito bem. Todos os dias tem acordado às 6:30 (a hora que estou no ônibus relaxada). Quando eu volto do almoço, por volta de 14:30 ele dá outras mexidinhas seguidas. E por último, quando chego em casa às 18:00 e coloco as pernas pra cima ele também dá pulinhos. Alguém falou para que eu observe esses horários, já que provavelmente serão os horários dele fora da barriga. Achei tão bonitinho saber que meu bebê já tem uma rotina...
Segue agora o que diz o E-family para essa nova semana:
Idade do feto: Semana 21
Tamanho do bebê: A medida de seu bebê esta semana, da cabeça ao bumbum, deve estar em torno de 20cm. O peso do bebê é agora de aproximadamente 455g.
Desenvolvimento do embrião: O seu bebê tem agora uma aparência muito parecida com a que vai ter quando nascer só que está ainda bem magrinho. Embora ele esteja ganhando peso a cada dia, sua pele ainda está bem enrugada. Os lábios estão formados e os olhos também mas a íris (a parte pigmentada dos olhos) ainda está sem cor.
Mudanças em seu corpo: O seu útero está agora à 3,75cm acima do seu umbigo e à 23cm acima do seu osso púbico. As mudanças em seu abdômen estão progredindo devagar mas a sua barriga deve estar bem redondinha. E, exatamente nessa época, você vai começar a ouvir os comentários das outras pessoas. Para alguns você estará tão grande que com certeza deve estar grávida de gêmeos e, de outras pessoas você vai ouvir que sua barriga é tão pequena que você não deve estar grávida de tantas semanas assim. Se você acreditar em alguns desses comentários a ponto de se preocupar, converse com o seu médico, ele vai poder te assegurar sobre sua situação. Lembre-se sempre de que cada gravidez é única, ainda que você já tenha estado grávida anteriormente, dificilmente essa gravidez poderá ser comparada com a(s) outra(s). Procure descansar durante o dia e não esqueça de ingerir bastante líquido, especialmente água. Se possível, tenha ajuda para o serviço doméstico e evite pegar peso.

segunda-feira, 19 de setembro de 2005

Linda homenagem

Na sexta feira, o Arthur recebeu uma linda homenagem da Tia Sheila.
Ela respondeu ao post "5 anos de união" dedicando a ele uma música do Barão Vermelho, Amor pra recomeçar... Para ser sincera eu nunca tinha reparado na letra, mas não é que a danada é linda?

Amor pra recomeçar
Eu te desejo não parar tão cedo
pois toda idade tem prazer e medo
e com os que erram feio e bastante
que você consiga ser tolerante
Quando você ficar triste
que seja por um dia e não o ano inteiro
e que você descubra que rir é bom
mas que rir de tudo é desespero
Desejo que você tenha a quem amar
e quando estiver bem cansado
ainda exista amor pra recomeçar,
pra recomeçar
Eu te desejo muitos amigos
mas que em um você possa confiar
e que tenha até inimigos
pra você não deixar de duvidar
Quando você ficar triste
que seja por um dia e não o ano inteiro
e que você descubra que rir é bom
mas que rir de tudo é desespero
Desejo que você tenha a quem amar...
Desejo que você ganhe dinheiro
pois é preciso viver também
e que você diga a ele pelo menos uma vez
quem é mesmo o dono de quem
Frejat
Após chorar um pouquinho (só um pouquinho...) baixei a música na net, e estou colocando de 5 em 5 minutos para que o Arthur ouça e já a reconheça quando nascer...

Recadinho para a Tia Sheila:

O Arthur amou a homenagem! Mandou-te um beijinho e essas flores...

sexta-feira, 16 de setembro de 2005

Comemorando o 5º ano de casamento

Em todas os anos anteriores tiramos férias no mês de setembro para comemorar nosso aniversário viajando.
No 1º ano fomos a Parati;
No 2º ano fomos para Nova Friburgo;
No 3º ano fomos para Campos do Jordão;
No 4º ano fomos para São Lourenço/Poços de Caldas.
Esse ano resolvemos não tirar férias nesse período para aproveitar cada momento com o Arthur fora da barriga.
E fora isso, não estamos podendo gastar nada que não seja com os preparativos para a chegada dele: reforma da casa, quarto, enxoval, fraldas (muitas fraldas) etc.
Como na família do Dri, TUDO é motivo para festejar, o dia de ontem não poderia passar em branco. Então fizemos um rodízio de massas comunitário: cada um levou um prato e o encontro virou festa. Claro que comi muuuuito! A ponto de me deixar com medo da balança!
O Dri me deu um buquê belíssimo de rosas vermelhas! Que romântico!
Revemos a fita do casamento, o que foi muito engraçado! E nossa! Como as pessoas mudaram! Alguma melhoraram e muito!
Destaques para o Dri (com rabo de cavalo e mais magro) Rô (sem as mexas douradas e "enorme"!), Jacque (magrela, de cabelo natural - longo e cacheado e com "bigodinho" rs), Ziza (de cabelo preto e na fase magrela) e Tio Paulo (de cabelo preto e bigode)!
Antes de partirmos o "enorme" bolo, a D. Nadir fez uma belíssima oração.
Vejam as fotos no flickr.

quinta-feira, 15 de setembro de 2005

5 anos de união


Eu e Dri completamos hoje 05 anos de casamento.
Nossa! Como voou! Parece que foi ontem que nos vimos nos preparativos da cerimônia, da recepção. A reforma da casa, a compra dos móveis, a escolha do enxoval, do vestido de noiva. A escolha dos padrinhos.
Caramba! Que fase gostosa!
5 anos já se passaram desde que constituímos uma família, até então de duas pessoas.
Hoje nossa família está maior, somos três. E voltamos aos mesmos preparativos: a reforma da casa, a compra dos móveis, a escolha do enxoval, do nome, dos padrinhos...
Não sou a noiva, sou a mãe. E foi o homem para quem jurei amor eterno quem me deu esse presente... esse novo amor... incondicional... tão valioso!
Lembro-me de um comercial vinculado à TV na época de Dia dos Pais (ou das Mães), que citava o fato do filho que vem ao mundo para roubar nossa individualidade, nosso tempo, no caso do comercial "roubar" a atenção da esposa, e ainda assim sermos apaixonados por aquela criaturinha. E não é que é verdade?
O cara te dá um filho sabendo que esse filho vai te "tomar" a esposa... e acha isso o máximo!
E vice-versa.
Já imagino a cena: Pleno domingo, eu doida para sair, e o Dri e o Arthur soltando pipa... Porque tenho certeza que entre eu e o pai, é claro que a preferência para fazer bagunça será com o pai, óbvio! Mas quem disse que vou me importar? Vou achar lindo!
Ontem fomos assistir "Os 2 filhos de Francisco", e o Dri deixou escapar no final da sessão que o papel do Sr. Francisco seria dele. Que vai realizar seus sonhos com o Arthur. Já viram né? O presente de 01 ano do Arthur provavelmente será uma guitarra!
Embora digam que o amor de mãe é insuperável, divino, eu prefiro dizer que divino é ver uma família feliz!
Para finalizar, voltando à lembrança de nosso casamento, na cerimônia havia uma programação entregue aos convidados e no texto final dizia:
"E depois nos reconheceremos nos filhos que teremos, e não saberemos distinguir entre os seus traços e os meus. E então nos tornaremos parecidos..."
Acho que é isso! Hoje, mais do que nunca, somos um só, e acho que essa é a prova concreta de que nossa estória deu certo! E de que cinco anos é muito pouco frente à imensidão de vida que ainda está por vir!

terça-feira, 13 de setembro de 2005

Final de semana

Como ontem fiz questão de priorizar a campanha da amamentação, não publiquei o aniversário da Rô(sana), que ocorreu no sábado, dia 10. Então hoje a homenagem é para ela...
A Rô foi uma das companheiras de luta na Faculdade de Tecnologia de Processamento de Dados. Isso mesmo! Eu sou uma tecnóloga em processamento de dados! Só que nunca exerci a citada profissão. E também não pergunte como fui parar lá... O fato é que no dia da matrícula a primeira pessoa com quem tive contato, ainda na fila, foi ela, a Rô. Eis que ao iniciarem as aulas lá estava ela outra vez na mesma sala que eu. Junto à Rô, vieram também a Rosi e a Anne, e acho que desde aquela primeira semana elas me apelidaram de Barbie (não me pergunte o porquê!), que é como TODAS elas me chamam até hoje. A partir dali nos tornamos companheiras: de classe, de trabalhos, de estudos, de hora de intervalo, e algumas vezes (muitas vezes) de cola. É feio dizer isso aqui, eu sei, mas em algumas matérias não tínhamos como resistir ao apelo de nosso amigo Rodrigo que sempre nos oferecia aquele apoio em momentos de desespero, principalmente em provas como Linguagem C e Teleprocessamento. E juro, a gente se esforçava em aprender as benditas matérias, mas elas faziam questão de não entrar em nossa cabeça... enfim! Se até hoje nenhuma de nós exerce a profissão, nos serve de consolo (e que consolo!) saber que aqueles três anos nada mais foram do que um momento dado por Deus! Na verdade a nossa amizade só se firmou mesmo com o término da faculdade, mas ao todo já são quase dez anos... Eu não tive irmãs como vocês sabem, mas quem precisa de irmã quando se tem esse círculo de amizade que ri junto, chora junto, discute junto e até grita junto? A Rô literalmente me "doou" as amigas dela... Jacque, Sheila, Ana, Preta, Vanessa, nossa! Todas vieram por intermédio dela! Deus botou a Rô no meu caminho para que as demais viessem com ela. Ela deu ou não me deu muitos presentes?
O que me deixa muuuuito feliz é a quantidade de tias que o Arthur vai ter! E como ele já é paparicado! Espero que elas estejam aqui também para educar! Para me ajudar a mostrar os caminhos corretos para ele!
Vou repetir o que já falei antes, mas que eu sei que causa o maior orgulho na Rô: Ela foi a segunda pessoa para quem o Arthur se manifestou (depois de mim, é claro!), e embora ainda exista a discussão se ele estava ou não irritado com ela, o fato é que ele mexeu sim! E para ela isso basta!
Bem, é isso! A Rô é a nossa bicudinha! Mas muita querida por todas nós! E eu a aaaammooooo muito! E desejo, do mais fundo do meu coração, que todos os seus sonhos sejam realizados!
Parabéns amiga!
E após muito tempo sem nos reunir, lá estávamos nós, juntas! Rindo muuuuito! Com motivos ou sem qualquer motivo!
E o Arthur, como sempre, foi muito paparicado... Com direito a muita comilança! Com muito pão de alho, que eu adoro! E com direito à exclusividade de suco, que a Rô comprou só por minha causa...
Ficam aqui as fotos para registrar o início da 20ª semana de gestação (caramba! já cheguei na metade!)
Família reunida
Com a aniversariante
Com Preta, Michele, Jacque, Rosi, Vanessa e SheilaCom Rô, Jacque e Sheila

A vigésima semana

DIA: 13/09/2005
Idade do feto: Semana 20
Tamanho do bebê: A medida de seu bebê esta semana, da cabeça ao bumbum, deve estar em torno de 19cm. O peso do bebê é agora de aproximadamente 350g.
Desenvolvimento do embrião: Suas unhas agora estão crescidas e cobrem toda a região destinada para elas nos dedos. Seus cílios e sombrancelhas estão também finalizados. O cérebro está em desenvolvimento acelerado.O bebê tem uma aparência muito magra mas bem desenvolvida.Se for um menino, os seus testículos estão começando a descer para a bolsa escrotal.
Mudanças em seu corpo: O seu útero deve estar agora uns 2cm acima do seu umbigo e você deve estar se sentindo bem. Aproveite esse período da gravidez no qual você ainda não está muito grande e os sintomas que primeiramente te incomodaram agora fazem parte do passado. De alguma forma é divertido estar grávida agora, você se sente bem e sua gravidez é facilmente notada.Só para lembrar, agora que sua barriga está maiorzinha, na hora de dirigir, não deixe que o cinto de segurança esteja em cima de sua barriga. O cinto de segurança pode e deve ser usado durante toda a gravidez. Coloque-o de forma que este esteja em volta de sua barriga e nunca em cima.Não deixe também de ingerir muito líquido, de preferência água, água e água. Não contém muitas calorias como refrigerantes e só faz bem, especialmente se estiver muito quente em sua cidade.
Informações retiradas do site E-family.

segunda-feira, 12 de setembro de 2005

Amamentar... eu também quero!!!

Desde o início da gravidez eu tenho buscado aprender com aquelas que já passaram pelo que vou passar daqui a alguns meses. Então acesso diariamente alguns blogs sobre gestação e maternidade, ou seja, virei uma blogueira...
Algumas semanas atrás, em um desses blogs (Flávia), surgiu um comentário (de péssimo gosto) sobre o fato da Flávia amamentar a Luiza até os dias de hoje. Então, a Flávia teve a idéia (juntamente com outra "blogueira") de criar uma campanha sobre o bem que faz a amamentação.
Bem, como vocês sabem, eu AINDA não tive o privilégio de passar por isso, embora seja uma das minhas maiores expectativas.
Não vou negar que como mãe de primeira viagem eu tenho alguns medos: Será que vou conseguir? Será que ele vai querer? Será que vou ter leite? E se meu leite empedrar? E se o bico do peito rachar? Enfim... medos naturais... que eu sei que serão superados no momento eu que o Arthur estiver aqui... puxando... como um bezerrinho!
Alguém consegue não se sensibilizar com essa relação mãe x filho?
Existe mágica maior do que um bebê sobreviver com um alimento criado pelo seu próprio organismo?
Saber que por (no mínimo) 6 meses, VOCÊ será suficiente para ele?
Se alguém tiver uma resposta negativa para essas indagações, por favor, encaminhe-se para um hospício, pois certamente você está com algum problema...
Claro, vamos descartar daqui aqueles casos específicos! A mãe não ter o leite, por exemplo, não faz com ela tenha culpa por não amamentar...
Enfim, vocês entenderam né?
A amamentação, além da magia do contato, é imprescindível para o crescimento saudável do bebê... E isso já é o máximo!
Pena eu AINDA não ter fotos amamentando o Arthur...
Aguardem janeiro/06 e prometo que elas estarão aqui!

quinta-feira, 8 de setembro de 2005

A décima nona semana

DIA: 06/09/2005
Idade do feto: Semana 19
Tamanho do bebê: A medida de seu bebê esta semana, da cabeça ao bumbum, deve estar em torno de 18cm. O peso do bebê é agora de aproximadamente 300g.
Desenvolvimento do embrião: Com 21 semanas de gestação, o sistema digestivo do bebê o permite engolir líquido aminiótico. Ele absorve água e cria restos que serão mandados para o intestino grosso.O especialistas acreditam que engolindo o líquido aminiótico, permite o amadurecimento do sistema digestivo e condiciona-o a funcionar corretamente após o nascimento do bebê.
Mudanças em seu corpo: Tome atenção para não ficar anêmica. Com certeza o seu médico vai estar prestando atenção e, se preciso, você receberá um suplemento de ferro para ser ingerido até o final da gravidez. O seu útero deve estar 1cm acima do seu umbigo. E, juntamente com o seu útero você poderá notar que outras partes do seu corpo também estão aumentando suas proporções. Por exemplo, seus tornozelos e pés, especialmente no final do dia. Ao sentar-se, lembre-se de elevar suas pernas para melhorar a circulação até os pés.
Informações retiradas do site e-family.
*****
Ontem, dia 07/09/05 passei o dia na casa de mamãe.
Não tenho sentido desejos, mas ontem, após ver uma reportagem em um programa de televisão, me deu uma vontade looooouca de comer brigadeiro caseiro... Eu mesma fiz! E comi ainda quente, pelas beiradas... QUE DELÍCIA!!! Esqueci até de sentir culpa... rs
Quem me conhece bem, sabe que não sou muito fã de doces (exceto pudim de leite, que amo!), então comi mesmo, já que isso não vai acontecer sempre...

segunda-feira, 5 de setembro de 2005

A 1ª foto do Arthur... como Arthur!

Conforme prometido seguem as fotos do Arthur.

Arthur com a mão na cabeça...

Close no rostinho dele (Não parece comigo?)
E a confirmação de que é um machinho!

domingo, 4 de setembro de 2005

É menino... e vai se chamar Arthur!

O que tanto ansiei aconteceu...
Descobri o sexo do meu bebê!
E NÃO!!!! Não é uma menina!!!
É ele... O Arthur!
Meu pequeno príncipe...
O pequenino ser que já toma conta dos meus dias!
Descobrimos na sexta (02/09/2005) exatamente às 17:38 horas.
Confesso que fiquei surpresa, já que TODAS as evidências nos levava a crer que seria uma menina, mas não fiquei em momento algum triste... achei engraçado! E caí numa crise de riso quase que sem fim! Só conseguia pensar em todas as pessoas que diziam que seria, "com certeza", uma menina...
E dizia, sem parar, para o Dri e para o Dr. Felipe: "Danadinho... enganou todo mundo!"
Só tenho a dizer que estou muito... muito feliz!
Meu bebê agora já tem um nome:
É o meu Arthur!
Prometo postar amanhã a nova foto dele, com o documento e tudo! :)

quinta-feira, 1 de setembro de 2005

Consulta pré-natal (agosto)

Tivemos ontem nossa consulta pré-natal.
Estamos bem.
Com relação ao inchaço dos pés, ele mais está ligado ao calor feito nos últimos dias, do que com o sal, como eu já supunha, uma vez que não como tanto sal assim.
A pressão arterial novamente como de passarinho: 11x6
A medida de fundo de útero: 15 cm (aumento de 4 cm em relação ao mês anterior, que é o normal).
Os batimentos cardíacos do bebê: "bem compassadinho", palavras da Dra. Laura.
Meu peso: 55,200 kg (no mês anterior estava com 52,800).
O aumento de 2,400 kg não é motivo para desespero, apenas de atenção na minha alimentação. Não significa que tenho que fazer dieta... pelo menos por enquanto! Mas para "tentar" diminuir (não cortar!) determinados alimentos, como os carboidratos, por exemplo.
Passou uma ultra, que já farei amanhã, óbvio!
E no mais, continuo tomando as mesmas vitaminas...
*****
Depois da consulta fui bater perna no Centro de N. Iguaçu com a Rô, e fomos ver vestidinhos para a Julia (filha da Katia, e agora, afilhada da Rô). Como o vestido era muuuuito caro, copiamos o modelo e fomos comprar o tecido. Achamos o tecido, que por sinal é muuuuito lindo, e eu fiquei encantada. Então falei: "Ai meu Deus, o vestido vai ficar lindo! Se tivesse certeza de que é menina compraria para ela também..." Nesse exato momento o bebê deu um pulo! Aí eu peguei a mão da Rô e coloquei na minha barriga, e ele mexeu de novo! A Rô ficou toda boba, já que depois de mim, ela foi a primeira a sentir o bebê se mexer, antes mesmo do Dri...
Chegamos à duvidosa conclusão de que:
- se for menina, estava pedindo um vestido para ela também...
- se for menino, estava p... da vida do meu pensamento de querer comprar um vestido para ele!
Foi muito engraçado!!!!