,

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Toddynho

Desde o início do tratamento com a Kenia, quando ela sugeriu que tirássemos a mamadeira pois isso era um fator que influenciava no atraso da fala, Arthur deixou de tomar leite.
Ele simplesmente não associava que leite poderia ser bebido em copo. Não aceitava e pronto.
Tentei canudo, copo com válvula, sem válvula e nada. Sem sucesso.
Tentei mingau de cremogema, de farinha láctea, leite com nescau, com nesquick, com mucilon, puro... e nada.
E então veio o desespero, porque na idade dele o leite é importante e ele simplesmente não queria tomar.
Também não podia voltar com a mamadeira, seria retroceder nas etapas e ela já tinha sido condenada pela fonoaudióloga.
Então a pediatra sugeriu que usássemos suplementos alimentares no suco de soja, a única coisa que ele passou a aceitar em substituição à mamadeira e que substituíssemos o leite pelos seus derivados: iogurtes, queijos etc.
Mas aí veio o problema com as taxas de triglicerídeos e os iogurtes foram limitados, os bolos idem. Tudo que levava leite naquele momento parecia ser prejudicial às taxas.
Enfim.
As taxas se normalizaram, ele voltou a comer os derivados do leite, mas ainda assim o fato de "não tomar o leite" me incomodava. Até que fomos no aniversário do Gabriel e a Tati deu de brinde uma lancheira que entre outras coisas vinha uma caixinha de toddynho. Tudo o que é diferente atrai, né? E óbvio que ele quis experimentar. E gostou. E chegou no mercado na semana seguinte e despejou algumas caixinhas no carrinho. O estoque acabou e eu resolvi arriscar em comprar o pó ao invés de comprar a caixinha pronta, e na manhã seguinte ofereci no lugar do suco. O copo de leite + o toddynho + o suplemento e então fez-se o milagre! Ele aceitou! E tomou tudo! E agora faz festa toda manhã porque "tá na hora do toddynho"! 
Vai entender cabeça de criança, né? Eu havia oferecido no passado, cheguei a brigar para ele aceitar e era como se eu estivesse oferecendo um copo de boldo...
Agora só resta saber da pediatra se também posso dar a noite, antes dele domir. 

    

4 comentários:

Elisa disse...

Oi Sandra!
Agora que Pedro fez 5 anos fico dizendo pra ele parar de tomar mamadeira. Ele fala muito enrolado, ainda não pronuncia o R (coisa que Sofia já fala acredita?). Já tentei fazer com ele o que vc fez com Arthur, mas não deu certo não rs, não curtiu o leite com tody, nem com sustage, sei nao viu rsrs

Beijocas

Musa disse...

Sandra, eu odeeeeio leite, recusei desde o peito, não posso ver. Não sei que trauma é esse, porque não é intolerância à lactose... espero que o toddynho não cause nenhum problema à noite, já que o Arthur gosta tanto, né? Falando nisso, você faz um comentário pra eu ter um neném só meu, chego aqui tem o Arthurzinho lindo e fofo, isso é golpe baixo demais! hahaha. Daqui a pouco a pressão vai funcionar, vou acabar cedendo... hehehe. Obrigada pela visita! Ah, se puder, muda o sistema de comentários pra janela pop-up, cheguei em casa e liguei o computador só pra te retribuir, geralmente faço isso do trabalho e lá é bloqueado quando é assim embaixo da página. :)

Beijos!

Sandra Lima disse...

testando pop up para a Musa...

Musa disse...

Valeu, Sandrinha. :):):)

Beijos e bom feriado!