,

quarta-feira, 12 de julho de 2006

As super novas II

Arthur está crescendo. De todas as formas. De corpo e de mente.
Repito para ele o tempo todo: “Bebê, você já é um rapaz!”
Na última semana tive muitas provas desse desenvolvimento. A cada dia ele descobre coisas novas. Ele vai descobrindo e a gente se surpreendendo... e babando!!!!

AO ACORDAR:
É um príncipe! Como ele dorme de bruços, sempre acorda e fica lá, quietinho, com a cabeça erguida procurando por alguém. E quando acha... nossa! Que felicidade! Sorri batendo as perninhas. Eu sempre me emociono com essa alegria ao acordar. E isso em qualquer horário, seja de manhã no berço, seja durante o dia na minha cama. Só que nessa última semana estamos mais atentos, já que ele passou a se impulsionar mais e dá sinais de que vai engatinhar a qualquer momento.

AO TOMAR BANHO:
Ama! Já reconhece a banheira. Basta vê-la para bater braços e pernas na tentativa de se jogar lá dentro. E sorri! Olha para a gente e sorri, como se estivesse agradecendo pelo banho.
E lá dentro é uma festa. A água é literalmente expulsa. Como ele está crescido já não cabe totalmente, então ele fica mais sentado do que deitado.
Algumas semanas atrás o Adriano passou a dar o banho da noite. Dá gosto ver a felicidade dos dois.
Ontem tomamos banho no chuveiro, os três. A princípio ele estranhou. Olhava desconfiado para a água... muito engraçado - :)

REFEIÇÕES:
Continua amando tudo o que é dado para ele.
Só fica chateado quando percebe que os brinquedos de borracha não são comestíveis. Kkkkk
Ainda estou relutando quanto ao jiló e a rã, mas devo confessar que já coloquei um miolinho de pão de forma na boquinha dele e ele não rejeitou (que a Tia Mônica não me ouça...).
Também já reconhece a chuquinha de água, e se a colocamos em suas mãos, ele leva direto para a boca.

AO DORMIR:
Está um reloginho. Tem dormido todos os dias às 21 horas. Geralmente eu o acordo às 5:30 da manhã para mamar, embora algumas vezes ele acorde às 4:30 (para me sacanear, já que levanto 5:30 para trabalhar... rs). Já não dorme deitado no colo. Só dorme em pé no ombro. A propósito, antes de dormir sempre tenta me escalar. E já sabe fazer pirraça. Está craque em se jogar para trás.
O trocador também está um perigo. As coisas que ficam ao seu alcance já não têm a menor graça. Bonequinho pendurado, brinquedos de borracha, e a própria roupa suja que antes o distraiam agora são desprezados. Legal mesmo é pegar as coisas que estão atrás de sua cabeça. De preferência a hipoglós, a tesourinha ou qualquer outra coisa que represente perigo. Se vira como parafuso na vã tentativa de pegar. Trocar a fralda já não é tarefa fácil.

DIVERSAS:
Involuntariamente bate palminhas. Para que ele relacione esse ato ao “parabéns” eu sempre canto e bato palmas junto com ele.
Adora o colorido dos desenhos animados. Presta atenção por longos minutos.
Também percebemos um gosto por sons. Não pode ouvir um batuque que fica prestando atenção. Segundo o Adriano ele vai ser percursionista. E pode estar em qualquer lugar, fazendo qualquer coisa, que pára tudo para prestar atenção na abertura da novela Sinhá Moça. Geralmente nesse horário está mamando, e vixe! Falta arrancar meu seio virando a cabeça em direção a televisão.
.
Ia relatar aqui a constante felicidade dele, que é de dar inveja, mas concluí que este é um assunto merecedor de outro post!

Nenhum comentário: