,

quinta-feira, 26 de outubro de 2006

A retrospectiva dos 09 meses

Já tem alguns dias que tento vir aqui para fazer um balanço do que aconteceu nesses nove meses (uma nova gestação!). O que descobri de mais importante é que o tempo passa mesmo muuuuito rápido! Uma colega de trabalho fala: "Parece que foi ontem que você chegava aqui arrastando o barrigão..." E ela está certíssima! Por mais que soe óbvio ficar repetindo que o tempo está voando, não tenho culpa... ele está voando meeeesmo! O bebê que acabara de nascer já vive entre nós há 276 dias. São 276 em que aprendi alguma coisa, que somei experiência, que vivi para o presente, sem me preocupar tanto com o que passou ou com o que virá...
Olho para ele e me pego em sentimentos confusos. Ou quero vê-lo crescendo, andando, falando, virando um molequinho... ou quero que o tempo pare por aqui mesmo, e que ele continue o meu bebê... Enfim! Do que sei é que o tempo vai correr e eu nada vou poder fazer. O Adriano foi quem solucionou o caso: "Quando ele deixar de ser nosso bebê a gente faz outro!" kkkk
Mas voltando aos 09 meses de extrema felicidade...
Ainda me pego muitas vezes sem acreditar que tenha sido merecedora de ser a mãe dessa preciosidade. Ele acorda sorrindo. Sempre. Só acorda chorando se for de madrugada, por algum motivo específico, e se isso acontece, o conforto logo vem com a minha chegada. Não adianta ir o pai, tem que ser eu... Claro que às 2:00 da manhã eu não acho nada engraçado ter que levantar estando o pai já do lado dele. Mas por outro lado, ser a única capaz de acalentar seu choro me dá uma sensação de conforto, de ter certeza de que sou amada, de que sou importante. Dug-dug! Vão dizer:"Imbecil, é claro que ele te ama!" rs. Sei lá! Vai que ele aprende a falar e diz que quer ter outra mãe....? kkkk (delirei!)
Não há nada de mais delicioso do que compartilhar daquele sorriso de satisfação seja ao acordar ou ao dormir. E quando dorme faz um biquinho (que herdou do pai - aff) que é a coisamaislindadomundo! Assiste televisão com uma concentração (que - pasmem! - tb herdou do pai) que dá vontade de agarrar e morder... Na cadeira do carro se comporta como um rapazinho. Coloca as mãozinhas no cinto e bate as pernas, como que sabendo que se está ali é porque vai passear. E não reclama. Lindo!
Adora me ouvir cantar (coisas de quem ama....) e não reclama de minha santa afinação (me ama mesmo!). E graças a ele eu venho aproveitando para seguir o ditado: "Quem canta os males espanta!" e por isso eu ando mesmo de bem com a vida!
Chama a atenção por onde passa. E não é por ser meu filho não... mas ele é muuuuito lindo mesmo! É simpático! Carismático! Delicioso de conviver...
Sabe o que é você chegar cansada depois de um dia inteiro de encheção de saco e receber aquele sorrisão de boas vindas? Como se estivesse esperado o dia inteiro por você?
Coisas de que só quem é mãe vai entender!
A propósito vai merecer um post especial o fato de que a nove meses atrás eu também nasci, como mãe!
Voltando ao seu desenvolvimento (depois falo do meu.. rs)
Ele ainda aceita muito bem tudo o que damos, e particularmente, o que não devemos dar: gelatina, sorvete, bolo, pão e (a novidade) pizza!
Já senta tranquilamente, já engatinha tudo (até semana passada se arrastava), e já fica em pé no berço. Seu vocabulário ainda não está tão vasto, mas o seu "dá-dá-dá" já é dito com maior frequência. Quando acorda, enquanto come, enquanto brinca, enquanto "tentamos" fazê-lo dormir...
Enfim! Para celebrar mais um mesversário, como não poderia deixar de ser, na segunda feira cantamos parabéns e comemos bolo! E os amigos de sempre estiveram lá em casa para prestigiá-lo.
Como disse o dindo Zé Luis "Agora só faltam mais dois mesversários!", já que iniciamos a contagem regressiva para o 1º aninho. Contratamos a festa desde agosto, mas acreditam que eu sempre esqueço de postar aqui?
Fechamos com a Adventure Kids, uma casa de festas que providencia tudo, desde o convite à animação. O aniversário dele vai cair numa terça feira, e é nesse dia mesmo que vai rolar a festa. O dia é péssimo, eu sei... Mas levando-se em consideração de que mesmo que eu marcasse para o final de semana (26 ou 27) no dia do aniversário dele todos estariam reunidos lá em casa... que seja então no salão de festas... rs
A princípio o tema escolhido era Circo. Quando fui no salão de festas e vi as fotos me decepcionei com a mesa deles. Gosto do circo com muitos animais, mas a deles era muito focada no palhaço. Não fez o tchan... Então me apaixonei pela do Nemo... Pronto! Fechado! E não vou ter que me preocupar com nada que não seja a lista de convidados, que por sinal já tá me dando dor de cabeça... Como vou conseguir fazer festa para 100 pessoas? kkkk





P.S: Repararam quantas vezes eu o chamei de lindo num único post??? kkkkkk Tô nem aí... Ele não é lindo mesmo? Tenho mais é que gritar pro mundo inteiro saber...

2 comentários:

Anônimo disse...

Eu também fiz os 10 anos da minha filha no Adventure. foi o máximo!!!! Rei Arthur vai adorar!!!

REgina - mãe da Amanda

Ministério da saúde disse...

Olá blogueiro,

Dê ao seu filho o que há de melhor. Amamente!

Quando uma mulher fica grávida, ela e todos que estão à sua volta devem se preparar pra oferecer o que há de melhor para o bebê: o leite materno.

É muito importante, tanto para o bebê como para a mãe, amamentar até os dois anos de idade ou mais. O leite materno é o único alimento que o bebê precisa, até os seis meses. Só depois se deve começar a variar a alimentação.

Acontece que nem todas as mães sabem de todos esses benefícios e deixam de amamentar mais cedo. Você pode ajudar nessa campanha divulgando materiais e informações por meio do seu blog.

Caso se interesse, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br e participe.

Obrigado pela colaboração!