,

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Na noite de ontem

Foi na noite de ontem que eu cheguei em casa e flagrei Arthur falando para a vó, sozinho, sem ninguém pedindo para que ele repetisse:
- Qué queijo!
.
Também foi na noite de ontem que quando eu acendi as bocas do fogão para iniciar o preparo da janta ele se aproximou para cantar, sozinho, sem ninguém pedir:
- Parabéns pra você, nessa data querida, muitas felicidades, muitos anos de vida, ehhhhh!!!!
(claro que não da forma correta como escrevi, mas no tom certinho...)
E ficamos eu e Adriano boquiabertos, já que nunca tinhamos visto cantar o parabéns...
.
Foi na noite de ontem que fiz, pela primeira vez, jiló a milanesa. E foi ontem também que Arthur comeu umas sete fatias do dito-cujo, sem sequer fazer cara feia para o amargo que eu não consegui tirar.
Vai entender... :)

Foi assim: eu fiz, coloquei só no meu prato (Adriano não curte) e comecei a jantar. Ele, filão que só, sentou-se ao meu lado e começou a pedir. Dei arroz e ele não aceitou. Dei purê de batata e continuou sem aceitar. E assim foi com a almôndega e o feijão. Sobrou só o jiló e ao oferecer ele não só abriu a boca, como tomou a fatia da minha mão. E saiu do meu lado, feliz e contente.
Fui tomar banho e deixei sobre o balcão da cozinha o potinho com as fatias que sobraram.
Ao sair do banho fui procurá-lo e dei de cara com essa cena aí de cima. Ele assistindo TV no quarto, com o jiló que achou na cozinha.
Pergunta pra mim se sobrou alguma coisa no pote? :)
.
E na continuação da noite de ontem, depois de não perder o momento do jiló registrando com essas fotos toscas de celular (minha câmera está emprestada), fui secar o cabelo.
Dali a pouco me vem ele, com a cara mais marota do mundo, com o vidro de perfume que ganhou da dindinha Jacque nas mãos, vazio.
E no chão do quarto dele todo o líquido espalhado.
E no ar aquele cheiro de Natura Naturé, que no pescoço dele é uma delícia, mas todinho no chão não teve nariz que aguentasse.

E então foi assim que ainda na noite de ontem, pela primeira vez, Arthur ficou de castigo...

Noite longa, não? :)

Nenhum comentário: