,

quinta-feira, 14 de dezembro de 2006

E começaram os sustos

Arthur entrou na fase do "qualquer lugar menos o colo".
Seja o chão ou o andador, o que ele quer agora é estar de um lado para o outro, mexendo em tudo, descobrindo tudo. Para vê-lo quieto, só se estiver na frente da televisão e se estiver passando a programação que ele gosta: comerciais, abertura de novelas, desenhos animados com música. A novidade agora é o "Xuxa só para baixinhos". Anos atrás havia feito uma cópia para a Bia, minha sobrinha, das fitas 1, 2, 3 e 4. Eis que no final de semana achei as fitas 3 e 4, e coloquei para ver qual a reação de meu pequeno telespectador. E não é que ele sentou na frente da TV e ficou lá o tempo inteirinho até que acabasse a de nº 3? Agora estou atrás de quem tenha a 1 e a 2 para eu copiar, pois comprar o box que vem com as 4 por R$69,90 não vai dar.
Também continua fissurado pelos comerciais da Discovery Kids e pode estar fazendo qualquer coisa que pára tudo para prestar atenção.
Agora aprendeu a se levantar nos móveis, seja na estante da sala, no sofá ou na minha cama, mas é abusado e quer ficar com uma mão só. Resultado: Sempre cai. Quando cai de bunda tudo bem, o problema é quando tomba e bate a cabeça. E olha que eu fico de olho! Mas não tem jeito, não mal acaba um choro e ele já está pronto para outro. No domingo eu estava com a Dri fechando a lista de convidados da festa e ele ficou no chão brincando com o Bernardo. Sei lá o que aconteceu na cozinha num minuto que minha sogra precisou ir na área de serviço e deixou os dois sozinhos. Só ouvimos o berro dele. Caiu de boca no chão. Sangrou um pouquinho. Fiquei desesperada pois parecia ter machucado a gengiva. Chorou, chorou e chorou. Colocamos gelo. Aí ele descobriu que chupar gelo era bom, e adorou... Felizmente o ferimento não foi na gengiva, foi só no lábio superior, e no dia seguinte só tinha mesmo uma pequenina mancha roxa.
Ontem estava na minha frente brincando no chão, engatinhando com o Bernardo, e de repente, do nada, tacou o queixo no chão, de leve. Mais choro, gelo no local, gelo na boca (para chupar) e a marquinha no queixo como resultado.
Aos pouquinhos vou tentando me acostumar e aceitar que de agora em diante será assim, muitos sustos para mim e para ele.
Na verdade estou só nos primeiros dos muitos que ainda vou levar, durante toda a sua vida.

Nenhum comentário: