,

terça-feira, 14 de outubro de 2008

A semana da criança

E então na semana passada a escola promoveu a semana da criança. A cada dia uma atividade diferente, com um festival de alguma coisa: teve o dia do teatro com festival de pipoca, dia de cantoria animada com festival de chocolate, dia do festival de gelatina, festival do cachorro quente e para fechar, na sexta feira contrataram um grupo de animação e um pula pula gigante. Bem, eu só não sei se foi necessariamente nessa ordem... hahaha


O fato é que na sexta feira o pequenino chegou em casa abarrotado de tralhas e guloseimas, e estava com a corda toda! E para completar a euforia eu entreguei o presente adiantado dado pelo meu chefe: o novo DVD da Xuxa, XSPB 8. Amou! E de lá pra cá, já ouviu 247 vezes.
No sábado dindinha Jacque também adiantou seu presente, a nova coleção infantil da Natura, com shampoo, sabonetes, creme e colônia. Coleção linda e cheirosa. Bye bye para a Natura Bebê, que meu bebê usava até então. E dá-lhe mudar etapas!
No domingo acordamos tarde, e ainda estávamos nos espriguiçando quando a Deidei bateu na porta para entregar o presente do Arthur, uma bateria do Hi-5 (acho que ela estava mais ansiosa que qualquer outra coisa... rs). Nem preciso dizer que ele a-m-o-u, né? Não parava de repetir "hi-5" e de cara se familiarizou com as baquetas, provando que é realmente filho de músico.

Além disso ainda ganhou carro eletrônico, casinha educativa, joguinho de pintura, lousa mágica, e doces, muitos doces...
.
Abre parenteses:
Foi vendo um geladinho num desses sacos de doce, que eu caí na besteira de dar um que já estava há dias no congelador, e nada me tira da cabeça que foi justamente o bendito geladinho que provocou a febre nele ao dormir.... enfim!
Fecha parenteses.
.
À tarde o plano era levá-lo a algum parque, ainda que de shopping, mas Adriano conseguiu me convencer a loucura que estaria, então optamos por levá-lo na rua vizinha, onde os moradores organizaram uma festa a céu aberto, com pula-pula, escorrega, distribuição de brinquedos e doces e muito, muito espaço para correr. E Arthur de fato se esbaldou! Desceu no escorrego umas 258 vezes e não sei como não ficou tonto de tanto subir e descer. De quebra ainda levamos seu velotrol e ele foi e voltou pedalando.
Chegamos em casa já eram quase 18h e ele ainda estava com a corda toda. Pela 297º vez pediu a Xuxa, enquanto eu me largava na cama, exausta! Com minha bateria totalmente descarregada!
Mas valeu pelo dia, lindo e alegre, como meu filho!

Nenhum comentário: