,

segunda-feira, 2 de abril de 2007

Consulta - 14º mês

Arthur adora os brinquedos do consultório, e por isso, a espera pelo atendimento tem sido mais fácil. A gente acaba se distraindo com o divertimento dele, e quando vê ja é hora de entrar.

Dra. Mônica, doce como sempre, só falta se jogar no chão brincando com Arthur.
Elogiou o crescimento de 1,5 cm e o aumento de peso. Ele agora mede 77,5 cm e pesa 9.255 g.
Com relação às brotoejas, disse para continuar usando apenas a maisena.
O Ultrafer continua apenas até o final desse vidro.
Falei para ela das vitaminas de frutas que tenho alternado com as frutas puras, e ela disse não ter problema. Ela ainda não tinha liberado sucos já que Arthur teve o problema do refluxo (quando era um bebê - agora é um rapaz! rs), e eu ainda não tinha perguntado se já podia dar. Simplesmente comecei a fazer e ele adora. Então ela tirou meu peso de consciência, e até liberou outras frutas, ou seja, todas e quaisquer! Inclusive abacate e laranja pera (só pediu para misturar com água, para quebrar a acidez).
Falei com ela do "olhinho grande" de meu filhote e ela elogiou, pedindo apenas que eu tome cuidado com a estória do "ah coitadinho, dá isso ou aquilo que ele está aguando", pois nisso a gente acaba entupindo a criança com coisas que não são saudáveis, já que ele não tem esse discernimento. E que para ele, uma fruta é tão gostosa quanto um pedaço de doce. E que não é porque ele pede, que eu vou ter que dar. Ele não nasceu conhecendo o refrigerante, e só vai conhecer se eu quiser. O mesmo para o chocolate, que eu já estrou prevendo que ele vai ganhar aos montes na Páscoa. Ela disse "Poder comer, pode. Mas não deve!". Posso dar um pedaço, e só. E complementou brincando: "Senão eu vou ferrar você, que vai ser "obrigada" a comer os ovinhos do menino e que vai ficar enorme de gorda!" kkk

Saímos de lá e fomos ao Salão de cabelereiros do meu cunhado Helinho. Chegamos lá e a primeira coisa que a Sônia (irmã dele) fez foi oferecer um pirulito pro Arthur. Ele imediatamente enfiou na boca, algo que ele nunca tinha visto na vida. E quem conseguiu tirar? Foi até engraçado, pois ele se atracou com o pirulito, chupando direitinho. E entre babas adocicadas, tudo o que tinha ouvido há apenas uma hora atrás já tinha ido tudo por água abaixo. Vou fazer o quê?

Nenhum comentário: